Prefeito de Curitiba, Rafael Greca, deixa o hospital

Roger Pereira

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PMN) deixou, no início da tarde desta segunda-feira, o hospital Marcelino Champagnat. Ele recebeu alta médica após 11 dias internado por conta de uma hérnia intestinal. Agora, o prefeito, passará mais uma semana em casa, para concluir o processo de recuperação da cirurgia a que foi submetido na madrugada do dia 29 de dezembro.

Internado às pressas na noite de 28 de dezembro com queixas de indisposição alimentar, Rafael Greca foi diagnosticado com uma hérnia intestinal que causou a perfuração do intestino delgado. Diante deste quadro, o prefeito foi submetido a uma cirurgia de emergência em que foi retirada a parte ferida de seu intestino (aproximadamente 30 cm).

Desde então, Greca passou seis dias na Unidade de Terapia Intensiva do hospital, e mais cinco (contando com a manhã desta segunda-feira) em um apartamento. De acordo com a equipe médica, Greca apresentou boa evolução pós-operatória durante toda a internação.

Agora, a recomendação dos médicos é de repouso domiciliar por mais sete dias, com alimentação leve e curativos na área do corte. Segundo eles, a volta às atividades na Prefeitura pode ocorrer a partir do dia 14/01.


“Neste momento, completamente recuperado, deixo o Hospital Marcelino Champagnat onde fui internado desde dia 28. Agradeço à brilhante equipe médica integrada pelos doutores Marco De George, Anna Flávia, Marlon Rangel e Carlos Eduardo Henze”, postou Greca, nas redes sociais, em legenda de fotos que fez com todos vários funcionários do hospital.

Ao chegar em casa, o prefeito gravou uma mensagem em vídeo. Confira:

Post anteriorPróximo post
Roger Pereira
Repórter do Paraná Portal