Prefeito de Paranaguá passa mal e se licencia das atividades no Executivo por oito dias

Redação


O prefeito de Paranaguá, Marcelo Roque, pediu afastamento do cargo por oito dias para realizar um tratamento de saúde. O pedido foi encaminhado à Câmara Municipal da cidade do litoral paranaense nesta segunda-feira (30).

Ontem, Marcelo Roque sentiu uma indisposição e procurou ajuda médica de sua cardiologista. A Prefeitura de Paranaguá informou que o prefeito passou por uma bateria de exames e que a recomendação, segundo o boletim médico, é que Roque se afaste das atividades do Executivo para um período de repouso e cuidados pessoais devido a elevada carga de trabalho.

Durante o período de afastamento de Marcelo Roque, o vice-prefeito José Carlos Borba (PSD) assume interinamente a administração de Paranaguá.

“Tive uma indisposição que me fez procurar ajuda médica. A minha cardiologista, que me acompanha há um certo tempo, após a realização de uma bateria de exames, recomendou que eu me afaste das minhas atividades pelo prazo de 8 dias para que eu possa realizar um repouso necessário para melhora do meu quadro clínico. Sendo assim, o vice prefeito, Borba, assumirá o comando do Executivo Municipal, o que me deixa mais tranquilo para realizar o meu tratamento de saúde, pois sei que Paranaguá estará em boas mãos”, postou o prefeito em suas redes sociais.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="786959" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]