Criminosos se passam por policiais e assaltam prefeito no interior do PR

Redação

prefeito, foz do jordão, francisco clei, assalto, assaltantes, refém, cárcere privado, policiais

O prefeito de Foz do Jordão, Francisco Clei (PSB), foi amarrado e mantido em cárcere privado por assaltantes na manhã desta quarta-feira (3). Segundo informações preliminares, a casa do político era o alvo dos criminosos.

O pequeno município com pouco mais de 5 mil habitantes fica na região centro-sul do Paraná, a cerca de 340 km de Curitiba.

Os suspeitos teriam fugido do local com dinheiro e objetos de valor. A Polícia Militar confirmou que quatro pessoas estavam na casa no momento da ocorrência, que ainda não foi fechada.

Além de Francisco Clei, de 41 anos, também foram vítimas a esposa dele, de 42 anos, e dois filhos, com 15 e 20 anos de idade. Não há registro de feridos.

Conforme as apurações iniciais, vestidos com coletes a prova de bala, os assaltantes se passaram por policiais federais e entraram na casa do prefeito alegando o cumprimento de ordem judicial.

Uma vez dentro da residência, eles anunciaram o assalto. Os moradores foram amarrados e mantidos em cárcere privado enquanto os criminosos vasculhavam o local.

Vizinhos relataram que a ação durou cerca de 45 minutos. Os assaltantes fugiram antes da chegada da PM. A Polícia Civil também foi acionada e vai investigar o caso.

Previous ArticleNext Article