Prefeitura de Curitiba abre mais um hospital exclusivo para covid-19

Redação

prefeitura de curitiba hospital greca covid-19

A prefeitura de Curitiba divulgou nesta quinta-feira (3) que ativou o hospital Victor Ferreira do Amaral, localizado no Água Verde, mais um hospital exclusivo para pacientes de covid-19.

São mais 54 leitos, sendo oito de UTI, para atender a demanda do coronavírus. Atualmente são  344 leitos existentes, restando 24 livres. Ou seja, a taxa de ocupação das UTIs covid-19 em Curitiba é de 93%.

Esse é o terceiro hospital ativado durante a pandemia, que será gerenciado pela SMS (Secretaria Municipal da Saúde) por meio de convênio com o Complexo do Hospital de Clínicas do Paraná. Os outros dois hospitais exclusivos de covid-19 são o Instituto de Medicina e o Vitória.

Vale lembrar que a atual administração ainda fez mudanças em duas UPAs (Unidades de Pronto Atendimento). A UPA Boqueirão virou unidade de leitos clínicos específica para covid enquanto a UPA Fazendinha passou a funcionar como retaguarda, recebendo pacientes não-covid do Hospital do Idoso, liberando vagas de covid.

O hospital Victor Ferreira do Amaral faz parte do pacote de 174 novos leitos SUS exclusivos que serão ativados pela prefeitura de Curitiba em dezembro. São 50 de UTIs e 124 de enfermaria. As novas vagas criadas ainda representam um aumento de 23% na capacidade hospitalar de Curitiba, que passa de 756 leitos em atividade para 880 (UTIs e enfermarias).

GRECA ATIVA NOVO HOSPITAL CONTRA COVID-19 E COBRA POPULAÇÃO

O prefeito Rafael Greca e a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, visitaram as instalações da nova unidade antes da chegada dos primeiros pacientes.

“Em menos de 20 dias o nosso governo ativou 187 leitos exclusivos para tratamento da covid, SUS exclusivos para covid, sendo 61 de UTI e 126 de enfermaria”, disse Greca.

Além disso, ele ainda que a população adote as medidas de prevenção para cortar a transmissão do coronavírus. “De nada serve fazer aglomeração, não serve à sua saúde e não serve à cidade”, finaliza o prefeito.

Conforme boletim da SMS, a capital paranaense acumula 82.647 casos (68.042 recuperados) e 1.788 mortes da doença.

Previous ArticleNext Article