“Nós continuamos em casa”, diz Rafael Greca em relação à pandemia de coronavírus

Redação

Greca Curitiba fundo Lei do Zoneamento obras Linha Verde ligeirão

Na manhã desta quarta-feira (25), Rafael Greca afirmou que a Prefeitura de Curtiba segue as medidas repassadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em relação à pandemia de coronavírus. “Em repeito aos curitibanos, nós continuamos em casa”, disse Greca no final do pronunciamento.

Na noite de ontem, em pronunciamento em rede nacional, o presidente Jair Bolsonaro orientou os governadores e prefeitos do país para cessarem o isolamento social para pessoas com menos de 60 anos, indo contra o Ministério da Saúde.

“Nossa vida tem que continuar, os empregos devem ser mantidos, assim como os sustentos das famílias. Algumas autoridades devem abandonar o terreno de terra arrasada”, apontou o presidente no discurso em rede nacional.

RAFAEL GRECA DIZ QUE NÃO HAVERÁ HOSPITAL NA ARENA DA BAIXADA

Além de orientar os curitibanos a ficarem em casa, Rafael Greca também anunciou algumas medidas:

  • garantia da merenda escolar para alunos carentes;
  • crédito de R$ 70 reais para a compra de mantimentos nos armazéns da família;
  • assepsia da cidade, com água misturada com hipoclorito de sódio;
  • máscaras escudo estão sendo feitas em impressoras 3D, para distribuição para funcionários da saúde;

O prefeito também foi enfático em dizer que não haverá hospital na Arena da Baixada. “Não precisamos disso, a estrutura de saúde de Curitiba é formidável. Um hospital improvisado é um perigo para todos.”

GOVERNO DO PARANÁ MANTÉM ISOLAMENTO SOCIAL

Mesmo sendo aliado de Jair Bolsonaro, o Governo do Paraná anunciou nesta quarta-feira (25) que irá manter o planejamento de contingência contra o coronavírus. O governador Carlos Massa Ratinho Junior também decidiu seguir as orientações do Ministério da Saúde e continuar com o planejamento em relação à pandemia do coronavírus.

CORONAVÍRUS EM CURITIBA: RECOMENDAÇÕES

coronavirus-prevenção-1024x407
Formas para evitar a transmissão do coronavírus. (Reprodução / Ministério da Saúde)

Na semana passada, a Prefeitura de Curitiba criou um canal de teleatendimento à população. Profissionais da área da Saúde atendem pessoas com sintomas de doenças respiratório e esclarecem dúvidas. Para entrar em contato, é só ligar para (41) 33350-9000.

Por fim, a Secretaria Municipal da Saúde reforça é a principal orientação é todos ficarem em casa. Nesse cenário, tornam-se necessárias as medidas de higiene como lavar a mão com água e sabão ou álcool gel, além de evitar contatos físicos.

“Se alguém apresentar quadro que sugerem infecção respiratória, essa pessoa deve ficar isolada, em casa, por 14 dias”, completa a infectologista Marion Burger.

Previous ArticleNext Article