Prefeitura de Curitiba interdita 13 estabelecimentos durante o fim de semana

Redação

estabelecimentos interditados curitiba prefeitura

Bares, casas de eventos, tabacarias e lanchonetes foram flagrados desrespeitando medidas de prevenção à covid-19 no final de semana. Segundo a Prefeitura de Curitiba, 13 estabelecimentos foram interditados entre as 34 vistorias realizadas em diversos bairros da cidade.

Da noite de sexta-feira (16/7) ao domingo (18/7) a equipe da Aifu (Ação Integrada de Fiscalização Urbana) lavrou 14 autos de infração. Nos três dias, as vistorias resultaram em R$ 365 mil em multas.

Vale lembrar que esse foi o segundo fim de semana sob o decreto da bandeira amarela, que prevê medidas mais flexíveis para o funcionamento dos estabelecimentos na cidade. Eventos corporativos com até 100 pessoas são permitidos assim como festas de até 50 pessoas.

Apesar das interdições e autos, todos os cidadãos autuados têm o direito de recorrer em processos administrativos.

BAR, CASA DE EVENTO E TABACARIA SÃO INTERDITADOS EM CURITIBA

Na sexta-feira (16/7) foram interditados e autuados dois bares no Centro, por não controlar o número de pessoas e o distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas.

Já uma casa de eventos no Hauer, por promover reunião com mais de 50 pessoas; duas tabacarias na CIC (Cidade Industrial de Curitiba), por desenvolver atividade suspensa no período; e um bar no Pinheirinho, por desrespeitar a restrição de horário. Houve casos onde mais de um auto foi lavrado no local.

Outros dois bares, no Centro e no Santa Cândida, foram interditados no sábado (17/7). O primeiro não controlou a lotação de pessoas e o segundo por desenvolver atividade de bar desrespeitando a restrição do horário.

Na mesma noite a Aifu interditou e autuou uma casa noturna no Batel, por desenvolver atividade proibida de bar e uma lanchonete no Uberaba, também por não cumprir a restrição de horário. O local é reincidente na infração, razão pela qual recebeu a multa em dobro, no valor de R$ 20 mil.

As fiscalizações nos estabelecimentos neste domingo (18/7) flagraram três bares nos bairros Novo Mundo, CIC e Santa Felicidade que não controlavam a lotação de pessoas. Um deles era reincidente. Todos foram interditados e multados.

BALANÇO DAS AÇÕES DA PREFEITURA DE CURITIBA SOBRE OS ESTABELECIMENTOS EM 7 MESES

A lei que pune quem desrespeita as medidas do decreto da Prefeitura de Curitiba está em vigor desde 5 de janeiro. Em sete meses, foram vistoriados 3.667 estabelecimentos, de diferentes áreas do comércio, durante as Aifus.

Destes, 836 foram flagrados descumprindo as medidas sanitárias obrigatórias e acabaram interditados e 1.727 autos de infração foram lavrados para pessoas físicas, empresas e comércios. O valor total dos autos lavrados é de aproximadamente R$ 17,3 milhões. Todos os cidadãos e empresas autuadas tem direito a se defender em processo administrativo.

As ações contam com fiscais da Secretaria Municipal do Urbanismo, Secretaria Municipal do Meio Ambiente, agentes da Setran, Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="776495" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]