Primeio dia de frio intenso pode ter matado dois andarilhos no Paraná

A queda brusca nas temperaturas provocadas por uma massa de ar frio que atingiu o Paraná entre a noite de terça-feira (2..

Andreza Rossini - 27 de abril de 2016, 16:00

A queda brusca nas temperaturas provocadas por uma massa de ar frio que atingiu o Paraná entre a noite de terça-feira (26) e esta quarta-feira (27) pode ter matado duas pessoas em situação de rua no Paraná, durante a madrugada de hoje.

Um dos casos suspeitos de hipotermia ocorreu em Cascavel, no oeste do Paraná. De acordo com o médico do Consórcio Intermunicipal de Saúde Oeste, o Consamu, existem fortes indícios de que a morte foi causada pelo frio, já que o homem não estava vestido de forma adequada para evitar a perda de calor e não apresentou sinais de agressão no corpo.

O caso aconteceu durante a madrugada, no bairro São Cristóvão. O homem foi encontrado dentro do quintal de uma empresa de construção, caído ao lado de uma máquina pá carregadeira. O Samu afirmou que já havia realizado outros atendimentos ao homem que seria morador de rua, segundo informações da Catve.

Ele estava com as calças abaixadas até o joelho, mas sem sinais de agressão, ainda segundo o Samu. De acordo com o instituto Simepar a mínima na cidade chegou aos 5ºC nesta quarta-feira (27). O Instituto Médico Legal recolheu o corpo e após necropsia será possível dizer se ele morreu de hipotermia, que é a queda da temperatura do corpo.

O outro caso, também de um homem em situação de rua, aconteceu em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. De acordo com a delegacia do município, o homem de aproximadamente 40 foi encontrado na Rodovia João Leopoldo Jacomel.

Ele estava em um gramado e as poucas roupas que ele vestia estavam molhadas pelo frio. Não há sinais de agressão. Ele não portava documentos e ainda não foi identificado. O corpo foi recolhido pelo Instituto Médico Legal de Curitiba.

Na capital, a mínima registrada foi de 6ºC. A previsão para os próximos dias é de geada e temperaturas ainda menores em todo o estado.