Primeiro comboio com 800 mil litros de combustíveis é liberado pela Justiça

Francielly Azevedo


O Sindicato dos Revendedores de Combustíveis e Lojas de Conveniências do Estado do Paraná (Sindicombustíveis-PR) informou que o primeiro comboio com 20 caminhões transportando 800 mil litros de combustíveis, entre gasolina, álcool e diesel saiu da Repar, Refinaria da Petrobras, em Araucária, para abastecer 164 postos conveniados em Curitiba e Região Metropolitana. A medida acontece após o Sindicato conseguir uma liminar na Justiça Estadual que determina o desbloqueio do terminal de carregamento desta segunda-feira (28).

Com amparo da liminar, a Polícia Militar começou a escoltar comboios no começo da tarde desta segunda-feira. “O Sindicombustíveis-PR obteve uma liminar na Justiça Estadual favorável ao desbloqueio do terminal de carregamento de combustíveis de Araucária, beneficiando todos os postos associados da entidade no Paraná”, disse.

Segundo o Sindicombustíveis, a partir da liberação completa da refinaria de Araucária e das bases das distribuidoras, a normalização do atendimento deve ocorrer entre uma até duas semanas.

O sindicato também orienta para que a população não inicie uma corrida até os postos. “É importante que a população evite realizar uma corrida aos postos, colaborando assim com uma retomada gradual do abastecimento de combustíveis. Quanto mais tranquilo for o processo de retomada, em menos tempo a situação estará normalizada”, ressalta a nota.

O sindicato reiterou em nota que também é contrário aos seguidos aumentos dos combustíveis realizados pela Petrobras. “Mas a situação de abastecimento geral do Brasil – de alimentos à remédios – já estava perto do colapso. Isto certamente iria resultar em problemas em hospitais, creches, escolas, entre outros, com possibilidade de mortes. Por isso a entidade entrou com o pedido de liminar”, explicou.

Em relação as outras refinarias do Estado, o Sindicombustíveis-PR disse que o departamento jurídico também trabalha para obter na Justiça liminar para outras bases de distribuição do estado.

 

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="526397" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]