Procura por testes de Covid-19 cai pela metade em Curitiba

Após o pico de casos registrado no mês de janeiro, a primeira quinzena de fevereiro registrou redução de até 50% na demanda por testes de detecção do vírus.

Larissa Biscaia - BandNews FM Curitiba - 16 de fevereiro de 2022, 15:18

Foto: Hully Paiva/SMCS
Foto: Hully Paiva/SMCS

A procura por testes de Covid-19 apresenta queda nas redes privada e pública, em Curitiba. Após o pico de casos registrado no mês de janeiro, a primeira quinzena de fevereiro registrou redução de até 50% na demanda. Nesta quarta-feira (16), Curitiba tem 13 mil pessoas com o potencial de transmissão da doença. As informações são da BandNews Curitiba.

O Laboratório de Análises Clínicas (Lanac) realizou mais de quatro mil testes na primeira semana de janeiro. Em comparação com fevereiro, a taxa de positividade reduziu de 45% para 35%. O número ainda é considerado alto, de acordo o técnico e especialista em bacteriologia do laboratório, Marcos Kozlowski.

"Em comparação com janeiro, diminuiu em 50% a procura de clientes para realização do teste de Covid-19. Nós consideramos pelo decorrer da pandemia um índice de contaminação ainda alto, está em torno de 30%, 35%. A boa notícia é que comparado com janeiro, onde tínhamos 50% de taxa de positividade, isso já é um sinal que a velocidade de contaminação está diminuindo", observa.

No laboratório da Unimed a taxa de positividade chegou a 57% no primeiro mês do ano. A média móvel desta quarta-feira (16) é de 45%. O superintendente do espaço, Milton Zymberg, afirma que o Carnaval traz preocupação para o cenário da pandemia na capital paranaense.

"Toda situação onde você tem aglomeração de pessoas, falta de cuidados com a higiene, é propenso a fazer novamente o vírus circular e em maior intensidade. O Carnaval pode ser uma época dessas, onde as pessoas não acabam tomando os cuidados já sabidos de não aglomerar, de higiene e uso de máscaras. A tendência é isso poder retornar num pico de exames, sim", avalia.

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, a rede pública realizou 135.791 testes no mês passado, em comparação com 46.903 testagens na primeira quinzena deste mês. Em caso de sintomas, o curitibano deve entrar em contato pelo telefone 3350-9000.