Professora cria perfis nas redes sociais para compartilhar vivências com filho autista

Juliana Goss - BandNews FM Curitiba

professora, perfil nas redes sociais. filho autista, autismo, projeto, autismo ao pé da letra

Foi com o objetivo de compartilhar os desafios da criação do filho autista que a professora Amabile Leite decidiu criar perfis nas redes sociais.

O projeto “Autismo ao Pé da Letra” reúne centenas de mães e pais que dividem as alegrias e as dificuldades de ensinar os primeiros passos aos pequenos.

“Desde o diagnóstico do meu filho, há uns seis anos atrás mais ou menos, eu mergulhei de cabeça nesse universo, eu leio muito, eu pesquiso muito… e como professora também, pois eu tenho alguns alunos e já atendi alunos autistas, entre outras questões que não só o autismo. A questão de educação, de inclusão social é muito viva na nossa casa e na nossa família porque a gente vivencia com o meu filho e também tem os meus alunos”, conta a professora.

A ideia da professora que leciona inglês na rede pública de ensino em Curitiba, é de dividir o dia a dia da rotina com o filho de maneira mais leve. O aprendizado com os alunos também é compartilhado.

Os perfis no Facebook e no Instagram trazem as percepções da mãe e pretendem acolher outras mulheres que possam estar passando pelos mesmos desafios no desenvolvimento dos filhos autistas.

“A princípio eu escrevia na minha rede social pessoal, compartilhava alguns momentos engraçados e habilidades que meu filho tem. Eu comecei a pensar em trazer essas informações de uma forma mais específica, então fiz uma página para escrever só sobre isso. Eu falo da minha experiência como mãe, professora e pesquisadora e também me preocupo com as mulheres que estão nesse universo, muitas vezes sozinhas, sem rede de apoio. Eu quero fazer desse lugar um lugar de acolhimento”, diz Amabile Leite.

Os interessados em conhecer mais sobre o projeto podem acessar nas redes sociais os perfis “Autismo ao Pé da Letra”.

Previous ArticleNext Article