Quadrilha que se passava por policiais é identificada e presa

Doze homens foram identificados como membro de uma quadrilha especializada em roubos que atuava no Paraná e em Santa Cat..

Alexandra Fernandes - 23 de outubro de 2018, 09:16

Doze homens foram identificados como membro de uma quadrilha especializada em roubos que atuava no Paraná e em Santa Catarina. De acordo com a Polícia Civil, os criminosos se passavam por policiais para abordar vítimas e praticar os crimes.

Três deles foram presos na última semana, outros sete haviam sido presos no final de junho e um permanece detido no estado de Goiás. Um último suspeito, de 29 anos, permanece foragido. A quadrilha seria responsável por uma série de roubos a residências, empresas e estabelecimentos comerciais.

Em parte dos crimes, os suspeitos utilizaram coletes, distintivos e giroflex para abordar as vítimas. Segundo o delegado, André Feltes, foram cerca de oito meses de investigações para identificar os suspeitos, que se revezavam em funções dentro da quadrilha e os assaltos eram estudados antes de serem feitos. Os criminosos tinham uma extensa ficha criminal.

De acordo com a polícia o primeiro roubo aconteceu em maio do ano passado, no bairro Xaxim, em Curitiba. Na ocasião, além de distintivos, os suspeitos utilizaram um carro preto com giroflex. Eles teriam abordado a vítima em frente à residência, em plena luz do dia, sem levantar suspeitas de quem passava pela rua.