Racha de caminhões pode ter causado acidente que matou cinco da mesma família

Cinco pessoas da mesma família morreram em um grave acidente, na noite de segunda-feira (2), no quilômetro 398 da BR-369..

Andreza Rossini - 03 de julho de 2018, 12:46

Foto: Divulgação PRF
Foto: Divulgação PRF

Cinco pessoas da mesma família morreram em um grave acidente, na noite de segunda-feira (2), no quilômetro 398 da BR-369, em Mamborê, no norte do Paraná.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o carro bateu de frente com um caminhão, que tinha placas de Foz do Iguaçu, no oeste do estado.

Segundo as investigações policiais, o caminhão estava ultrapassando em um local onde existe terceira faixa, mas deslocou o caminhão para a faixa contrária para não bater com outro caminhão que transitava na mesma direção, atingindo o carro e o arrastando para fora da pista.

No caminhão estava apenas o Motorista, de 30 anos, que ficou ileso. Já no carro estava uma família inteira, sendo o condutor um homem de 34 anos, uma passageira de 30 anos e mais 03 crianças, uma 11, uma de 09 e outra de 04 anos que eram filhos do casal, todos vieram a óbito no local.

Usuários da rodovia afirmaram a policia que os caminhões envolvidos, em um total de 5, eram conduzidos de forma a caracterizar um “racha”.

A PRF descobriu que outros 04 caminhões transitavam juntos, sendo encontrado 03 deles, os quais afirmaram que viajavam juntos.

Diante dos fatos os 03 motoristas, mais o condutor do caminhão acidentado foram encaminhados para a Polícia Civil de Mamborê para prestar esclarecimentos sobre o fato, já que trata-se até o presente momento de Homicídio Culposo, previsto no Art. 302 do CTB.

O caso é investigado pela Polícia Judiciária. Se confirmada a possibilidade de racha que resultou em morte, os condutores envolvidos podem pegar pena de 5 a 10 anos de prisão.

A família vitima no acidente era residente do Distrito de Alto Pensamento no município de Mamborê/PR.