Rebelião na cadeia de Ibiporã termina com seis presos mortos

Redação


Uma rebelião na cadeia de Ibiporã, no norte do Paraná, deixou seis presos mortos durante a noite de segunda-feira (17) e madrugada desta terça-feira (18). Apesar da confusão, nenhum detento fugiu do local.

REBELIÃO NA CADEIA DE IBIPORÃ COMEÇOU DURANTE UMA BRIGA ENTRE GRUPOS RIVAIS

Segundo informações da PCPR (Polícia Civil do Paraná), a rebelião começou por volta das 20h de ontem durante uma briga entre grupo rivais. Durante o motim, que foi controlado às 2h de hoje, os presos atearam fogo na cadeia e destruíram parte do local. Para combater as chamas, foram necessários três caminhões do Corpo de Bombeiros.

O prédio foi isolado pelo Choque da PMPR (Polícia Militar do Paraná) para evitar aproximação de familiares, que assim que souberam do motim se deslocaram para a frente da cadeia, que fica no anexo da delegacia.

As mortes ocorreram antes do incêndio, segundo a polícia. A cadeia foi projetada para 35 detentos, porém, na noite da rebelião ela estava superlotada, abrigando 138 pessoas. Os corpos das vítimas fatais foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Londrina.

A Polícia Civil vai instaurar um inquérito para apurar as circunstâncias da rebelião na cadeia de Ibiporã.

*Com informações do portal de notícias Cobra News

Previous ArticleNext Article