Receita apreende cocaína em contêiner vindo do Japão, em Paranaguá

A droga estava escondida em um compartimento do motor refrigerado de um contêiner, vindo do Japão, e foi localizada em uma inspeção.

Redação - 02 de agosto de 2022, 07:32

Foto: Divulgação/Receita Federal
Foto: Divulgação/Receita Federal

A Receita Federal apreendeu 21 kg de cocaína no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná. A droga estava escondida em um compartimento do motor refrigerado de um contêiner, vindo do Japão, conforme a Receita.

A apreensão ocorreu nesta segunda-feira (1). Os tabletes da droga foram descobertos ao passar por um aparelho escâner, que detectou a irregularidade.

Conforme a Receita, como o Japão não é um país produtor de cocaína, a suspeita é que a droga foi enviada de alguma região produtora, mas não foi retirada pelos traficantes em seu porto de destino por algum motivo. O contêiner então continuou sendo reutilizado até ingressar no Brasil, onde os servidores da Receita Federal detectaram a droga.

A inspeção por escâneres é uma das medidas adotadas pelo órgão para realizar a verificação das mercadorias de maneira não invasiva, garantido a agilidade no comércio exterior e ao mesmo tempo impedindo a ação de criminosos que buscam enviar e receber ilegalmente mercadorias através das unidades alfandegadas brasileiras.

Essa foi a nona apreensão realizada pela Receita Federal em 2022, somando 397,5 kg de entorpecentes apreendidos no ano. A ação está inserida na Operação Divisa VII, coordenada pela Polícia Militar do Paraná em conjunto com outros órgãos de segurança.