Resgatada pela PRF em fevereiro, cachorrinha “Recruta” é adotada

Vinicius Cordeiro


Apelidada de “Recruta”, uma cachorrinha resgatada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em fevereiro foi adotada nesta terça-feira (9) e vai passar a viver com uma caminhoneira aposentada de São José dos Pinhais.

No segundo mês do ano, os policiais encontraram ela em um trecho da BR-116, perto da Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Mandirituba, Região Metropolitana de Curitiba.

>>> Paciente que morreu de febre amarela assinou termo se recusando a tomar vacina

Foto: Divulgação PRF

Na época, ela estava bastante debilitada. Ela estava com uma lesão grave nas patas traseiras, o que a forçava a andar apenas com as patas da frente.

Ela permaneceu na UOP por um mês e seu tratamento foi viabilizado com a ajuda da concessionária que administra o trecho da estrada. A intervenção veterinária deu certo e a Recruta conseguiu ter uma recuperação parcial dos movimentos das patas traseiras, além de ter 80 carrapatos e pulgas retirados. Ela, que tem entre um e três anos, também foi castrada.

A UOP de Mandirituba já conta com outros dois cães e os policiais tinham receio que a Recruta não se adaptasse a viver nas redondezas da rodovia, com riscos de ser atropelada.

Vale lembrar que o abandono de animais é crime punido com detenção de três meses a um ano, e multa.

Veja o vídeo da PRF com a diferença no andar da Recruta:

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="610200" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]