Com reabertura prevista para amanhã, Santuário do Perpétuo Socorro passa por sanitização

Mirian Villa


Na manhã desta sexta-feira (10), o Santuário do Perpétuo Socorro, no Alto da Glória, em Curitiba, passou por um processo de sanitização em todos os espaços, internos e externos, para ser reaberto neste sábado (11).

A medida foi tomada após quatro casos da Covid-19 serem confirmados entre missionários redentoristas que moram na Casa Paroquial.

CASOS DA COVID-19 ENTRE MEMBROS DO SANTUÁRIO DO PERPÉTUO SOCORRO

O processo de sanitização no Santuário do Perpétuo Socorro tem objetivo de diminuir o índice de propagação do  novo coronavírus e proteger paroquianos e devotos que frequentam o local.

A igreja estava fechada desde o dia 5 de julho, quando o Padre Celso Vieira da Cruz, reitor do Santuário, encaminhou uma mensagem de áudio para os devotos avisando que estava internado.

“A paz para todos vocês, que Deus abençoe muito a vida de cada um. Ontem vim para o hospital não me sentindo muito bem, com ânsia de vômito e alguns outros sintomas. Chagando aqui eles diagnosticaram que o meu pulmão não estava funcionando com toda capacidade[…] A noite foi tranquila sob medicação e cuidados e hoje de manhã minha saturação estava 98 e alegrou todo mundo por aqui. […] trago cada um de vocês no coração, eu sei que a oração tem grande poder”, diz a mensagem do padre aos fiéis.”

De acordo com boletim médico divulgado nesta quinta-feira (9), o Padre Celso continua internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), do Hospital Marcelino Champagnat, fazendo uso de ventilação mecânica.

Após reabertura, o espaço ficará aberto todos os dias, das 08h às 18h, somente para visitação e orações pessoais. As missas e novenas do Santuário Perpétuo Socorro estão sendo realizadas de forma on-line.

Divulgação/Santuário do Perpétuo Socorro

Previous ArticleNext Article