Grande Curitiba e Litoral
Compartilhar

Caixa Cultural traz o samba de Marina Íris para Curitiba

Na penúltima atração do projeto Samba de Bamba deste ano, que acontece nesta terça-feira (1º) na Caixa Cultural, às 20h,..

Redação - 31 de outubro de 2016, 10:10

Na penúltima atração do projeto Samba de Bamba deste ano, que acontece nesta terça-feira (1º) na Caixa Cultural, às 20h, quem se apresenta nos palcos é a cantora e compositora Marina Íris.

Em sua primeira apresentação em Curitiba, além de suas composições, a cantora traz no repertório nomes como Caetano Veloso, Arlindo Cruz e Leci Brandão, misturando modernidade e tributo. Carioca do Meiér, ela conta que teve forte influência da música na família. Seu pai é violinista e compositor de samba, mas ela não imaginava que seria um dia cantora, diz.

ANÚNCIO

Durante a faculdade de Letras, em 2007, começou a participar de rodas de samba e entrou de vez para o mundo da música. Em 2008 foi finalista do concurso Novos Bambas do Velho Samba, evento promovido pelo tradicional bar Carioca da Gema, onde se apresenta até hoje, todas as sextas.

Repertório

Em seu disco de estreia Marina Íris, lançado em 2014, a sambista evoca grandes referências do cenário do samba, como Pixinguinha, Gisa Nogueira, Dorival Caymmi, e outros.

Em seus shows, a cantora procura juntar as riquezas de todos os estados, ao cantar não só composições de sambistas cariocas. A sua formação em Letras também está presente nesse cenário. “Procuro levar para os shows um pouco das literaturas. Representar a mulher negra e compositora, como Dona Ivone, Ana Costa” disse.

A música, para Marina, é a união de gêneros e compositores, mas também um espaço de resistência e empoderamento da mulher e do samba. Seu novo álbum intitulado ‘Rueira’, conta com composições de Manu da Cuica e Rodrigo Lessa e deve ser lançado ano que vem.