Grande Curitiba e Litoral
Compartilhar

Festival Literário de Curitiba começa neste final de semana com encontro de autores

O Litercultura  (Festival Literário de Curitiba) chega à sua 4ª edição neste final de semana, os eventos estão programad..

Andreza Rossini - 23 de agosto de 2016, 14:08

O Litercultura  (Festival Literário de Curitiba) chega à sua 4ª edição neste final de semana, os eventos estão programados para acontecer entre os dias 26 e 28 de agosto, de sexta a domingo, no Palácio Garibaldi, Largo da Ordem. A organização preparou uma programação intensiva para os três dias, estabelecendo um caráter multiartístico do evento, com conferências, mesas-redondas, leituras e shows.

Na sexta-feira (26), o festival volta-se exclusivamente para a produção literária paranaense com o Panorama Paranístico, que terá exposição e venda de mais de 50 autores residentes no estado, apresentação do poeta Ivan Justen Santana sobre o cenário atual da literatura e leituras de trechos de obras com improvisação musical de Marcelo Torrone e Gabriel Schwartz. “Nossa intenção é mostrar a produção contemporânea paranaense. Não se tem notícia de uma iniciativa desta proporção voltada para os autores daqui”, diz Manoela Leão, idealizadora e produtora do Litercultura.

ANÚNCIO

Estão escalados para esta edição autores de peso como Lourenço Mutarelli, Jacques Fux, Fernando Bonassi, Luiz Ruffato, Fausto Fawcett, Eduardo Spohr, Luci Collin e Alice Ruiz. Conhecido por sua influência na música dos anos 80, Fausto Fawcett abre o sábado, 27, com seu recente trabalho dramatúrgico com a Cia. do Urubu. Também no sábado, uma mesa sobre censura e gênero reunirá o escritor  Jacques Fux com Anna P, pseudônimo da escritora cuja identidade não será revelada ao público. “A ideia de manter o anonimato faz o desafio ainda mais interessante para o festival. Criamos uma forma de contar com a presença da Anna P. e preservar sua identidade. O tema vai pra mesa de debate com o Jacques Fux, autor do livro Brochadas. Além desse jogo de revelar e esconder, irão conversar sobre censura, erotismo, questões de gênero e padrões de comportamento. conta Manoela.

Na noite de sábado (27), no TUC, o evento abre espaço para a sexta edição do Sex Libris – Sarau Erótico com Jacques Fux, Estrela Leminski, Otavio Linhares, Iria Braga e Manoela Leão.

Também está programado encontro com o escritor haitiano residente em Curitiba Rei Selly, que dividirá a mesa com Fernando Bonassi sob mediação do jornalista José Carlos Fernandes. Como ponto de contato, a crônica da sociedade particular de cada um. Podcaster, blogueiro e escritor sensação entre o público jovem, o carioca Eduardo Spohr também fará conferência neste Litercultura – às 11 horas do domingo. Spohr é representante de uma nova geração de escritores que têm na internet seu ponto de contato com o público. A sua obra de estreia A Batalha do Apocalipse vendeu 4 mil exemplares na Nerdstore sem amparo de editora. O livro continuou sua trajetória de sucesso sob o selo da Verus com mais de 50 mil cópias vendidas. É a primeira vez que o Litercultura abre espaço para a literatura juvenil.

Na noite de domingo (27), encerrando a edição, sobe ao palco o músico e escritor gaúcho Vitor Ramil para um bate-papo com show.

 

ANÚNCIO