Sem Terrinhas fazem ato na Secretaria da Educação em Curitiba

Narley Resende


O terceiro e último dia do 12º Encontro Estadual dos Sem Terrinhas, que acontece na capital paranaense desde terça-feira (8), iniciou com um ato na Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED), na Avenida Água Verde, Vila Izabel, às 10h dessa quinta-feira (10).

O ato das 700 crianças cobra a continuidade do Termo de Cooperação Técnica e Financeira (Convênio) entre a SEED e a ACAP (Associação de Cooperação Agrícola e Reforma Agrária do Paraná – uma associação civil sem fins lucrativos), que atende 1950 alunos da educação infantil ao médio das 12 Escolas Itinerantes. O convênio garante entre outras coisas, o pagamento dos professores e funcionários administrativos.

De acordo com o MST, os Sem Terrinhas exigem que a Secretaria garanta, junto com outros órgãos responsáveis, a construção das 19 escolas nos assentamentos, a solução dos problemas com transporte escolar e as estradas.

As crianças também denunciam o fechamento de escolas no campo. Segundo dados do senso escolar, em 2000 o Paraná contava com 3.043 escolas localizadas no campo, em 2014, o número passou a ser de 1.472.

As atividades continuarão a partir do meio-dia na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico, seguido de um passeio pelo Zoológico Municipal. Depois disso as crianças retornam para casa.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="396517" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]