Servidores da Polícia Civil são presos pelo crime de concussão em Colombo, na RMC

Redação


A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu um investigador de polícia e um agente de operações pela prática do crime de concussão, nesta segunda-feira (7) em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba.

De acordo com a investigação, os policiais estariam exigindo R$ 500 semanais de feirantes da cidade.

Além dos mandados de prisão preventiva pelo crime de concussão, que é quando o funcionário público exige vantagem indevida para si ou outra pessoa, em razão da função que exerce, os policiais também cumpriram três mandados de busca e apreensão no município da Grande Curitiba.

As buscas ocorreram nas residências dos servidores investigados e também na Delegacia de Polícia do Alto Maracanã, ainda conforme a PCPR.

A Polícia Civil prossegue com as investigações para apurar os detalhes do suposto crime.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="732862" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]