Taxa de transmissibilidade da covid-19 apresenta redução em Curitiba

Larissa Biscaia - BandNews FM Curitiba

covid-19 curitiba coronavírus boletim casos mortes, brasil, paraná

A taxa de transmissibilidade da Covid-19 apresentou redução em Curitiba, no prazo de dez dias. Nesta segunda-feira (6), ela está em 0,89. Assim, 100 infectados passam a doença para outras 89 pessoas. No dia 26 de agosto, a taxa era de 0,94.

Na capital paranaense, a taxa de ocupação das UTIs SUS exclusivas para a doença está em 65% e 135 leitos estão livres, de acordo com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS). São 7.770 casos ativos, 45 a mais do que 10 dias atrás.

No Vacinômetro, a imunização parcial, apenas com uma dose, chega a 69,3% dos curitibanos. A imunização completa, com duas doses ou com a dose única, atinge 35% da população. Além disso, 2.063 idosos receberam a terceira dose contra a doença.

Desde o início da pandemia, Curitiba teve 282 mil casos, 7 mil 225 mortes em decorrência da doença e 268 mil recuperados. A cidade se mantém na Bandeira Amarela até o dia 15 de setembro, após a oitava renovação seguida do decreto.

No cenário estadual, a taxa de transmissibilidade é mais baixa, em 0,74, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde. A taxa de ocupação das UTIs SUS está em 55%, com mais de 700 leitos livres. A lotação das enfermarias está em 37%, com 1171 leitos disponíveis.

Neste final de semana, o Paraná alcançou a marca de 90% da população adulta imunizada com a primeira dose, segundo o Vacinômetro Nacional do SUS. Considerando a população geral, a imunização parcial chega a 66% dos paranaenses e a imunização completa, com as duas doses ou com a vacina de dose única, chega a 32%.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="788224" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]