Tempestade de granizo e chuva forte afetam 14 mil pessoas no Paraná

Mariana Ohde


As chuvas que atingem o Paraná desde a tarde desta terça-feira (12) já afetaram 14.699 pessoas em 24 municípios paranaenses, segundo o último boletim da Defesa Civil, divulgado às 11h desta quarta-feira (13).

Ao todo, 24 municípios foram atingidos e 3.656 casas foram danificadas – 340 pessoas ficaram desalojadas e sete estão desabrigadas. Quatro pessoas se feriram, segundo a Defesa Civil.

Os municípios mais atingidos foram Telêmaco Borba, com 4.003 pessoas afetadas e mil casas danificadas; Salto do Lontra, 3.200 pessoas afetadas e 800 casas danificadas; Imbituva, com 2.426 pessoas afetadas e 600 casas danificadas; Cascavel, com 2 mil pessoas afetadas e 500 casas danificadas. Duas pessoas ficaram feridas em Imbituva, uma em Nova Aurora e uma em Ponta Grossa.

As chuvas seguiram com volumes elevados em grande parte do Paraná nesta madrugada, segundo o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar). A maior concentração foi na região sul e oeste. A região norte teve ocorrências menos intensas.

Tempestades de granizo

As tempestades de granizo atingiram 14 cidades do Paraná, entre elas, Curitiba, Cascavel, Salto do Lontra e Prudentópolis, danificou mais de duas mil casas, segundo informações da Defesa Civil.

No fim da tarde de ontem, diversas ruas de bairros de Curitiba chegaram a ficar cobertas por pedras de gelo, causando problemas para o trânsito. Em Ponta Grossa, não houve registro de granizo, mas uma chuva com ventos fortes destelhou residências em vários bairros e, no distrito industrial, um barracão desmoronou, causando ferimentos em três pessoas.

Também foram registradas ocorrências de temporal em Fazenda Rio Grande, Guaraniaçu, Morretes e Toledo.

Previsão

Segundo o Simepar, nesta quarta-feira (13), o tempo segue instável com pancadas de chuvas ao longo do dia, principalmente na metade do sul do estado.

As chuvas ocorrem com mais intensidade entre as regiões oeste, sudoeste e sul, mas chove também com intensidade entre o centro-sul, a região dos Campos Gerais e o litoral. O Sistema Meteorológico informou, também, que ainda há risco de temporais, mas a previsão de granizo e de vendavais é de curtíssimo prazo . Destacou que o frio no Paraná retorna com mais intensidade durante o fim de semana.

Veja imagens da chuva e granizo em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais do Paraná 

Bruno Silveira encaminhou ao Paraná Portal imagens dos estados causados em Laranjeiras do Sul, veja:


 

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal