Túmulo de homem sepultado há dois dias é violado e incendiado no Paraná

Redação

tumulo-incendiado-parana-ok

O túmulo de um homem que havia sido sepultado há dois dias foi violado e incendiado na madrugada de quarta-feira (12), em Juranda, no centro-oeste do Paraná. A PC (Polícia Civil) abriu um inquérito e investiga o caso.

TÚMULO DE HOMEM ASSASSINADO É VIOLADO E INCENDIADO

Segundo a polícia, o túmulo de Michel Lopes de Oliveira -que era de concreto- foi quebrado e o caixão foi totalmente incendiado. Horas depois, duas mulheres que faziam a limpeza de túmulos de familiares no Cemitério Municipal perceberam uma fumaça fraca saindo de uma das sepulturas. Em seguida, as autoridades foram chamadas.
O homem, de 31 anos, tinha sido enterrado na última segunda-feira (10). O suspeito de cometer o crime, se condenado, pode responder de um a três anos de prisão.
Michel de Oliveira foi assassinado a facadas no sábado (8) por dois ex-funcionários. Segundo a polícia, o crime teria acontecido depois de uma briga por causa de uma divida. O homem chegou a ser socorrido pelo CB (Corpo de Bombeiros), mas não resistiu aos ferimentos e morreu. No dia do crime, os suspeitos fugiram com o veículo de Oliveira, mas foram presos e confessaram o crime.
Previous ArticleNext Article