UEPG adia vestibular para evitar transtornos após ocupações

A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Região dos Campos Gerais do Paraná, vai adiar a aplicação das provas do ..

Narley Resende - 14 de outubro de 2016, 11:17

A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Região dos Campos Gerais do Paraná, vai adiar a aplicação das provas do Vestibular de Ensino a Distância (EaD) 2016 previsto inicialmente para domingo (16). A nova data da aplicação da prova deve ser divulgada ainda nesta sexta-feira (14).

As provas do vestibular para os cursos à distância da UEPG são aplicadas em 31 cidades do Paraná, com 3.618 inscritos, concorrendo a 2.620 vagas. O vestibular convencional, para os cursos presenciais, continua previsto para dezembro.

A decisão do adiamento do Vestibular EaD ocorreu por causa de ocupações em escolas que receberiam vestibulandos para aplicação da prova. Ponta Grossa tem 21 escolas ocupadas por estudantes que protestam contra reforma no Ensino Médio proposta via Medida Provisória. Quatro delas seriam utilizadas para aplicação de provas.

De acordo com o coordenador geral da Coordenadoria de Processos de Seleção (CPS) da UEPG, Edson Marchinski, a decisão de adiar as provas visa resguardar a realização do Vestibular, sem prejuízo aos candidatos. “Todos serão comunicados da decisão tomada pela CPS, assim como serão informados sobre a nova data das provas, assim que a situação nas escolas da rede pública do estado esteja normalizada”.

A nova data será publicada oficialmente no site da instituição. Os candidatos devem ficar atentos às mensagens de e-mail e comunicados no portal da UEPG (www.uepg.br) e na página do Vestibular (www.cps.uepg.br/ead).

Segundo a assessoria de Comunicação da UEPG, a data da prova teve que ser adiada para evitar problemas na aplicação do das provas do vestibular. Por entender que não há tempo hábil para comunicar vestibulandos de mudanças em locais da aplicação de provas, a direção da instituição optou por suspender a data.

As ocupações em Ponta Grossa avançaram nos últimos cinco dias. Na semana passada eram apenas duas escolas ocupadas.

Escolas ocupadas em Ponta Grossa, segundo a União Paranaense dos Estudantes:

Ponta Grossa - C.E. 31 de Março

Ponta Grossa - C.E. Agrícola Augusto Ribas

Ponta Grossa - C.E. Ana Divanir Borato

Ponta Grossa - C.E. Arnaldo Jansen

Ponta Grossa - C.E. Elzira de Sá

Ponta Grossa - C.E. Epaminondas Ribas

Ponta Grossa - C.E. João Borell D. Vernay

Ponta Grossa - C.E. José E. da Rocha

Ponta Grossa - C.E. José Gomes do Amaral

Ponta Grossa - C.E. Julio Teodorico

Ponta Grossa - C.E. Linda S. Bacila

Ponta Grossa - C.E. Meneleu Torres

Ponta Grossa - C.E. Nossa S. da Glória

Ponta Grossa - C.E. Nossa S. das Graças

Ponta Grossa - C.E. Pietro Martinez

Ponta Grossa - C.E. Polivalente

Ponta Grossa - C.E. Presidente Kennedy

Ponta Grossa - C.E. Professor Colares

Ponta Grossa - C.E. Regente Feijó

Ponta Grossa - C.E. Sirley Jagas

Pontal do PR - C.E. Paulo Freire