UFPR procura PF após golpe usando nome da universidade

Francielly Azevedo


A Universidade Federal do Paraná (UFPR) procurou a Polícia Federal (PF) após ser alvo de golpe que envolve a oferta de vagas de trabalho. De acordo com a UFPR, os golpistas têm utilizado o nome da instituição e do Pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação, Francisco de Assis Mendonça, de maneira indevida para oferecer esses empregos.

Conforme a instituição, as pessoas são induzidas a se registrarem em um banco de cadastro que cobra pelo serviço. O anúncio acontece por e-mail e redes sociais.

A UFPR alerta que não realiza seleção de candidatos dessa maneira e não mantém banco de cadastro de currículos. A instituição esclarece ainda que todos os processos seletivos ocorrem por meio de edital público divulgado nos canais oficiais da universidade.

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="587113" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]