UFPR reage contra possível corte de bolsas para o ano que vem

BandNews FM Curitiba


A Universidade Federal do Paraná está se mobilizando contra um possível corte na verba do Ministério da Educação. Um alerta feito pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) nesta semana indica que uma redução orçamentária no ano que vem pode levar ao cancelamento de aproximadamente 93 mil bolsas de pós-graduação no país.

O alcance da medida por instituição de ensino ainda é desconhecido, mas o corte pode comprometer pelo menos parte das 5 mil bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado oferecidas na Universidade Federal do Paraná.

A redução do orçamento seria concretizada se o presidente da República vetar um trecho da Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2019 que permite que as despesas de universidades públicas pagas com receitas próprias fiquem fora do teto. De acordo com o reitor da Universidade Federal do Paraná, Ricardo Marcelo Fonseca, uma possível redução de orçamento nesses termos seria mais grave do que qualquer outra sofrida nos últimos anos. Ela atingiria todos os níveis de ensino, desde o básico até a pós-gradução.

“Isso será efetivamente trágico não só para as bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado. Mas também para outros programas que afetam a universidade. Programas de apoio a assistência estudantil, a internacionalização”, disse.

A maior parte das pesquisas produzidas no Brasil, assim como do conhecimento em ciência e tecnologia, está concentrada na pós-gradução e nas universidades públicas. Para o reitor Ricardo Marcelo, a preocupação com possíveis cortes deve ser de toda a sociedade, que será prejudicada a longo prazo.

Estudantes e professores estão organizando moções e manifestações pedindo que a Lei de Diretrizes Orçamentárias seja sancionada sem vetos por Michel Temer. Para segunda-feira (6), o movimento CWB Resiste programou um ato público em defesa das bolsas de pós-graduação. Será a partir das 18h30, na Praça Santos Andrade, em frente ao prédio histórico da Universidade Federal do Paraná.

Previous ArticleNext Article
Avatar
em 20 minutos tudo pode mudar