Urbs irá destinar fiscais para evitar aglomerações nos ônibus em Curitiba

Para evitar aglomerações nos ônibus em Curitiba, a Urbs (Urbanização de Curitiba) irá destinar fiscais em terminais e li..

Jorge de Sousa - 19 de março de 2020, 19:08

Lucilia Guimarães/SMCS
Lucilia Guimarães/SMCS

Para evitar aglomerações nos ônibus em Curitiba, a Urbs (Urbanização de Curitiba) irá destinar fiscais em terminais e linhas de maior movimento da capital paranaense.

Segundo a Urbs não foi criado um limite específico de passageiros por ônibus, com os fiscais tendo o papel de orientar os usuários a utilizarem o bom senso e esperarem a próxima linha.

“Estamos tomando medidas para preservar a população e nossos funcionários da propagação do vírus”, explicou o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto. O órgão ainda não confirmou se irá reduzir o número de veículos disponíveis, sendo essa medida ainda estudada pela entidade.

Ainda dentro do transporte público de Curitiba, a Urbs anunciou que irá tirar de circulação os veículos da Linha Turismo a partir desta sexta-feira (20) e que enquanto o período escolar estiver suspenso os cartões de estudante não irão funcionar nas catracas.

MUDANÇAS NO ATENDIMENTO AO PÚBLICO

A partir desta segunda-feira (23) todo atendimento para a criação do cartão-transporte terá que ser agendamento pelo site da Urbs. Além disso, o horário disponível será apenas entre às 11h e 17h nas sedes da Rodoferroviária e também nas Ruas da Cidadania. Por enquanto, a medida será válida apenas até o dia 31 de maio.

Também foi anunciado pela Urbs que a ala interestadual da Rodoferroviária estará fechada pelos próximos 14 dias, seguindo decreto do Governo Federal para evitar a circulação de ônibus interestaduais. Segundo órgão, cerca de quatro mil pessoas circulavam pela área em dias normais.