Vacinação contra polio e sarampo precisa atingir 34 mil crianças em 4 dias

Andreza Rossini e Assessoria

Faltando apenas quatro dias para o encerramento da campanha nacional de vacinação contra poliomielite (paralisia infantil) e sarampo, 33.837 crianças paranaenses ainda não foram levadas aos postos de saúde para tomar as vacinas, de acordo com balanço divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, nesta segunda-feira(10).

A estimativa é que 581.300 crianças entre 12 meses e 4 anos precisam ser vacinadas no Estado. A maior parte das crianças ainda não vacinadas moram em Curitiba e Região Metropolitana.

Até esta segunda-feira (10), a cobertura vacinal na regional era de 85,7% no caso da vacina contra pólio, e 84,1% da de sarampo. Na região, 29 mil crianças ainda precisam ser vacinadas. Os municípios do Litoral também estão com baixa cobertura vacinal, de apenas 80,4%. Em Paranaguá, município com pior desempenho até agora, apenas 66,7% das crianças foram vacinadas contra a pólio e 66,6 % contra o sarampo.

A meta nacional estabelecida pelo Ministério da Saúde prevê imunizar ao menos 95% de todas as crianças com idade entre 12 meses e 4 anos, mesmo as que já foram vacinadas anteriormente.

O secretário estadual da Saúde, Antônio Carlos Nardi, ressalta que os pais que ainda não levaram seus filhos para tomar vacina precisam buscar os postos de vacinação até a próxima sexta-feira (14), data de encerramento da campanha nacional.  “Os vírus que causam a pólio e o sarampo, doenças graves e que matam, estão circulando e podem voltar a fazer vítimas no Paraná a qualquer momento. Nenhum pai ou mãe quer ver seu filho doente, por isso, reitero: vacinem seus filhos”, diz o secretário

Quem deve tomar a vacina 

Devem ser vacinadas todas as crianças com idade entre 12 meses e 4 anos, 11 meses e 29 dias, mesmo as que já receberam as vacinas anteriormente, segundo a orientação do Ministério da Saúde.

No caso da poliomielite, as crianças que não tomaram nenhuma dose durante a vida recebem a vacina inativa poliomielite (VIP), injetável. Já as crianças que receberam anteriormente uma ou mais doses da vacina VIP serão vacinadas via oral poliomielite (VOP), em gotinhas.

Para proteção contra o sarampo, todas as crianças tomam uma dose da vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola.

Previous ArticleNext Article