Varredura encontra escutas no gabinete do prefeito de Maringá

Victor Duarte Faria - Metro Maringá


Escutas eletrônicas foram encontradas no gabinete do prefeito de Maringá, Ulisses Maia (PDT). Uma varredura determinada pela prefeitura resultou na localização dos equipamentos em dois diferentes pontos da sala ocupada há 14 dias pelo novo prefeito da terceira maior cidade do Paraná.

“Após a varredura identificamos o material em dois pontos da sala. Não conseguimos dizer se estavam funcionando ou não, se estavam prontas [as escutas] ou não, pois a luz do dispositivo não ligava”, comentou o prefeito.

A fiação, placa e os equipamentos em geral foram encontrados em buracos na sanca de gesso da sala do prefeito. “Uma parte do equipamento estava instalada na mesa da antiga chefia de gabinete. Acreditamos que alí fosse o ponto receptor das mensagens”, completou o prefeito.

Maia disse que vai apurar se não há mais escutas como essa em outros pontos da prefeitura. “Vou pedir para que façam um boletim de ocorrência. Assim, deixo registrado que houve essa irregularidade e a polícia pode nos ajudar a continuar monitorando se existem – ou não – mais escutas pelo Paço Municipal”, finalizou.

O sistema descoberto na sala do prefeito incluía captação de imagem e áudio e até o momento não sabe há quanto tempo as escutas estão no gabinete – podendo os ex-prefeitos Sílvio Barros e Carlos Roberto Pupin também terem sido monitorados.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="408750" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]