Vereador, ex-assessores e empresário são condenados por corrupção em Maringá

O ex-presidente da Câmara Municipal de Maringá, na gestão de 2004, foi condenado a mais de 6 anos de prisão em regime se..

BandNews FM Curitiba - 25 de abril de 2018, 16:04

O ex-presidente da Câmara Municipal de Maringá, na gestão de 2004, foi condenado a mais de 6 anos de prisão em regime semiaberto, mais 27 dias-multa, por corrupção passiva e dispensa irregular de licitação.

Ele teria feito um contrato para manutenção dos condicionadores de ar da Câmara sem licitação. As investigações do Ministério Público do Paraná, que apresentou a denúncia, constataram que o ex-vereador recebeu propina de um empresário, por meio de dois cheques entregues a seus assessores, para formalização do contrato.

Dois ex-assessores do então vereador também foram condenados por corrupção passiva, com penas de 2 anos e 8 meses de reclusão em regime aberto, mais 13 dias-multa. Também foi condenado o empresário envolvido nas irregularidades e que se beneficiou de dispensa de licitação  por corrupção ativa, com pena de 5 anos e 8 meses de reclusão no regime semiaberto e 23 dias-multa.

Há indícios de que os serviços de manutenção não foram realizados. Os fatos ocorreram em 2004. A decisão ainda cabe recurso.