Gabinete de vereador suspeito de rachadinha é alvo do Gaeco em São José dos Pinhais

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) cumpriu na manhã desta terça-feira (3), sete mandados..

Redação - 03 de março de 2020, 11:54

Reprodução/Google Street View
Reprodução/Google Street View

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) cumpriu na manhã desta terça-feira (3), sete mandados de busca e apreensão em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. O gabinete de um vereador, na Câmara Municipal, foi alvo das buscas, já que o parlamentar é suspeito de 'rachadinha'.

VEREADOR DE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS É SUSPEITO DE 'RACHADINHA'

Segundo as investigações, o agente público, com o auxílio de seu chefe de gabinete, coagia assessores para que repassassem a ele parte do salário que recebiam. Os mandados foram cumpridos a partir de investigações da 2ª Promotoria de Justiça da comarca, que apura a ocorrência dos crimes de concussão e constrangimento ilegal praticados por um vereador do município.

Além do gabinete do vereador, os mandados também foram cumpridos em endereços comerciais e residenciais dos investigados. Na casa do vereador investigado foi localizado R$ 28 mil, assim como em seu gabinete R$ 1,500 mil. Os valores, entretanto, não foram apreendidos por ausência de ordem judicial.