Vítima na queda de avião no Paraná fez vídeo antes da decolagem; assista

Redação

avião paraná queda Valdecy Cruzeiro família

Uma das vítimas na queda do avião registrada ontem (28) no Paraná gravou momentos antes da decolagem do voo. Beatriz Cruzeiro, de 23 anos, publicou no Instagram dois stories com imagens do cachorro da família, da raça “lulu da pomerânia”, e ao lado da mãe, Luciana Brito Cruzeiro.

As duas morreram em Bela Vista, cerca de 400 quilômetros de Curitiba, após a aeronave cair no Rio dos Macacos. Além delas, também faleceram o empresário Valdecy Cruzeiro, de 43 anos e quem pilotava o avião, e Julia Brito, de 18 anos e estudante de Odontologia.

Beatriz era dentista especializada em harmonização orofacial e estava indo com a família para o litoral do Paraná para o Réveillon. A família morava em Goierê, na região noroeste, e era conhecida por ser dona de uma loja de construções e ter alguns negócios com agronegócio. Assista os vídeos feitos pela vítima do acidente aéreo:

A família morava em Goierê, na região noroeste, e estava viajando para o litoral do Paraná, onde iria passar o Réveillon. O empresário Valdecy Cruzeiro tinha uma loja de construções e tinha alguns negócios com agronegócio.

FAMÍLIA CRUZEIRO MORRE APÓS AVIÃO CAIR NO PARANÁ

Segundo a PMPR (Polícia Militar do Paraná), o acidente aconteceu por volta das 7h. Ou seja, a família Cruzeiro não chegou a ficar nem uma hora no voo.

O avião caiu entre os entre os municípios de Roncador e Mato Rico, a 400 quilômetros de Curitiba, o que dificultou o trabalho das autoridades. Os moradores da região foram os primeiros a encontrar a aeronave depois do barulho da queda. Foram eles que acionaram a PMPR (Polícia Militar do Paraná), representada por uma equipe do 6° BPM de Mato Rico. Os agentes, no entanto, demoraram duas horas até chegar ao local.

Os policiais militares ficaram responsáveis por isolar a área até a chegada de outras autoridades. O IML (Instituto Médico-Legal) de Guarapuava, foi recolher os corpos enquanto uma equipe da Aeronáutica ficou com a perícia do acidente. Ainda não se sabe o que causou o avião cair.

Segundo o RAB (Registro Aeronáutico Brasileiro), o avião monomotor Cessna 177B pertencia ao empresário Valdecy Cruzeiro e tinha capacidade para três pessoas. A aeronave estava com a situação regularizada para voar e tinha sido comprada há três meses.

Valdecy pilotava o avião que caiu no Paraná. (Reprodução/Instagram)
Previous ArticleNext Article