Coluna Social
Compartilhar

RB| Agricultura

Países tradicionalmente produtores de café arábica na América Central incentivam e aumentam produção de café robusta.ANÚ..

Ruy Barrozo - 11 de junho de 2018, 01:19

Países tradicionalmente produtores de café arábica na América Central incentivam e aumentam produção de café robusta.

Costa Rica, Nicarágua e Guatemala pretendem consolidar e conquistar novos mercados com a produção e exportação de Coffea canephora.

A produção de Coffea canephora (café robusta), nos últimos anos, tem sido bastante estimulada por governos e entidades representativas do setor em países da América Central que tradicionalmente produzem café arábica.

É o caso, por exemplo, da Costa Rica, cujo governo recentemente, por meio do Ministério da Agricultura, está editando um decreto que permitirá a produção de robusta em regiões específicas do país, com base em zoneamento feito para essa espécie de café pelo Instituto do Café da Costa Rica - ICAFE.

Esses dados e análises do cultivo e da produção do café robusta em três países da América Central - Costa Rica, Nicarágua e Guatemala constam da revista NEGÓCIO CAFÉ (Ano 01 – Número 00 – Maio de 2018) editada com apoio da Agência de Inovação do Café – INOVACAFE/Universidade Federal de Lavras – UFLA.

Esta revista foi lançada para dar continuidade ao trabalho iniciado em 2012 com o Relatório Internacional de Tendências do Café.