Coluna Social
Compartilhar

RB Saúde

Web série sobre o SUS do Ministério da Saúde aborda o combate ao Aedes Aegypti.Episódio mostra como é possível ev..

Ruy Barrozo - 02 de fevereiro de 2018, 15:27

Web série sobre o SUS do Ministério da Saúde aborda o combate ao Aedes Aegypti.

MOSQUITO Aedes_Albopictus

Episódio mostra como é possível evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Métodos de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela, é o tema do novo episódio do Viva Mais SUS – web série do Ministério da Saúde, produzida pela Fields360, que mostra o impacto do SUS na vida de milhões de Brasileiros.

O episódio conta história de duas personagens que sofreram por conta do mosquito: Germano Junior, que teve chikungunya e tem sequelas por conta da doença até hoje, e Elciâny Santos, mãe que perdeu o filho de 12 anos para a dengue hemorrágica.

Mas o foco do episódio não é apenas sensibilizar a população sobre os sintomas da doença, e sim sobre como a população pode combater o mosquito na comunidade onde moram simplesmente cuidando dos focos em suas próprias casas.

A agente de saúde Stênia dos Santos complementa as informações do episódio fazendo visita a uma casa em busca de focos do mosquito.

A web série Viva Mais SUS conta histórias de pessoas impactadas pelos serviços oferecidos pelo Sistema Único de Saúde, ampliando o conhecimento em relação à atuação do serviço e como ele está presente em todos os momentos da vida dos brasileiros.

As histórias são contadas em tom realístico para que o público amplie seu conhecimento sobre a atuação do SUS e se identifique com as personagens. Assim, o episódio busca conscientizar as pessoas sobre a importância do combate aos focos do Aedes Aegypti dentro de suas próprias casas como forma de ajudar a comunidade onde vivem.

Em seus 30 anos de atuação, o SUS já beneficiou mais de 200 milhões de pessoas, com diversos atendimentos feitos.

Por isso, o projeto Viva Mais SUS, com suas webs séries de 16 episódios, tem o objetivo de mostrar histórias reais de quem já contou com o apoio e os serviços oferecidos pelo SUS.

Em episódios anteriores, a campanha já abordou os temas doação de órgãos, tuberculose, hepatite, doação de sangue, microcefalia, doação de leite materno e obesidade infantil.

A web série está disponível em www.saude.gov.br/vivamaissus.

Para cada um dos temas, o site traz uma série de informações relacionadas ao assunto para que a população tenha conhecimento e dimensão.ruy.barrozo