Coluna Social
Compartilhar

Palestra

Marcos Cintra faz palestra em CWB sobre Centenário de Nascimento de Roberto Campos.Presidente da FINEP vem à cida..

Ruy Barrozo - 08 de maio de 2017, 02:05

Marcos Cintra faz palestra em CWB sobre Centenário de Nascimento de Roberto Campos.

ANÚNCIO

Marcos Cintra_jpg

Presidente da FINEP vem à cidade a convite do Instituto Democracia e Liberdade e falará logo mais, às 19h, no auditório da FAE Business School.

Nesta segunda-feira, Marcos Cintra, doutor em Economia e professor/titular da Escola de Administração de Empresas de São Paulo – EAESP/FGV estará em CWB para proferir a palestra “Centenário de Nascimento de Roberto Campos”. O encontro, organizado pelo IDL - Instituto Democracia e Liberdade, em parceria com a FAE Business School, acontecerá no auditório da faculdade.

ANÚNCIO

Em sua palestra, Marcos Cintra, que atualmente preside a FINEP - Financiadora de Estudos e Projetos, fará um apanhado histórico sobre a trajetória de Roberto Campos, que este ano completaria 100 anos de nascimento.

Falecido em 2001, o deputado federal Roberto Campos levantou a bandeira da simplificação e modernização do sistema tributário brasileiro e se tornou um defensor ardoroso do projeto do Imposto Único sobre movimentações financeiras, proposto pelo economista Marcos Cintra.

Um dos artífices do período conhecido como “milagre econômico”, quando o Brasil registrou altos índices de expansão do PIB, Campos afirmava que o sistema tributário era o maior entrave para o desenvolvimento do país.

Ele classificava a tributação sobre o valor agregado como um grande mal para a produção nacional e apontava que o tributo exacerbava a burocracia, gerava corrupção, tornava o sistema absurdamente complexo, impunha elevados custos administrativos para as empresas e para o governo e era um convite à sonegação e outras formas de evasão de receita pública.

Em sua fala, Marcos Cintra também tecerá alguns comentários sobre o projeto do Imposto Único, destacando seu impacto na inflação, investimentos e salários, bem como na redução da sonegação.ruy.barrozo