Flamengo volta ao estilo de Jorge Jesus com Ceni; Inter vai despencar na Série A

Vinicius Cordeiro

são paulo flamengo

O Flamengo perdeu para o São Paulo no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, mas Rogério Ceni já cravou que vai voltar ao estilo que consagrou o clube carioca em 2019.

Na coletiva, o técnico disse que o ritmo da equipe será com mais intensidade e maior proximidade entre os dois atacantes, principal perda no trabalho de Domènec Torrent. “A memória que eles tinham do passado recente e o modelo de jogo que eu trabalhava no Fortaleza. Acho que é o jeito que mais gostam de jogar. Voltamos à metodologia que eu vi que foi sucesso no Flamengo e foi no meu último trabalho”, afirmou Ceni.

O modelo será o mesmo, mas tenho minhas dúvidas se os resultados são similares. A ver.

HUGO MOSTRA PERSONALIDADE DE GENTE GRANDE

O grande debate da noite de quarta foi a falha (feia) de Hugo Souza. O goleiro determinou a derrota do Flamengo ao tentar um drible suicida contra Brenner. Não foi culpa do passe ruim de Léo Pereira. O zagueiro deu opção logo em seguida à ação, mas o substituto de Diego Alves preferiu a presepada.

Mesmo com o erro, o jogador de 21 anos fez questão de comparecer à entrevista pós-jogo, ainda na saída do gramado. Assumiu a responsabilidade e teve postura de medalhão.

“Pude sair como destaque do time em vários jogos de forma positiva. E hoje infelizmente, errei. A falha vai acontecer. Todo mundo falha, todo mundo erra, todo mundo é ser humano. Mas o importante é continuar trabalhando para que das próximas vezes eu não cometa o mesmo erro, que pode definir uma classificação”, disse o arqueiro.

O erro, no entanto, não apaga a qualidade do excelente goleiro, o melhor do futebol brasileiro desde a ascensão de Alisson.

INTER DARÁ ADEUS À LIDERANÇA DA SÉRIE A EM BREVE

Abel Braga voltou ao comando do Colorado. (Ricardo Duarte/Internacional)

O Internacional perdeu para o América-MG de Lisca na reestreia de Abel Braga. É praticamente impossível dar continuidade ao trabalho espetacular do argentino Eduardo Coudet.

Este que vos fala garante: o time colorado vai despencar da liderança do Brasileirão. Pode não ser na próxima rodada, já que o próximo adversário será o Santos completamente esfacelado pelo surto de covid-19. Mas os gaúchos vão deixar a ponta da tabela. É questão de tempo.

Previous ArticleNext Article