Jacir de Oliveira e Renato Follador: Dias difíceis para o esporte paranaense

Vinicius Cordeiro

jacir de oliveira renato follador covid-19

A covid-19 é uma roleta russa. Enquanto o jornal Meio Dia mostrava a história de um idoso que tinha tumor nos pulmões, veio mais uma derrota: Jacir de Oliveira, locutor da rádio Trransamérica, foi mais uma vítima das complicações da Covid-19. Ele tinha 48 anos.

A morte de Jacir não é sentida apenas pelos colegas da rádio. Foi ele o responsável por eternizar momentos históricos do futebol paranaense, como a conquista do título do Athletico na Copa do Brasil em 2019 ou a volta do Coritiba para a Série A. Alguns torcedores poderiam não conhecer o rosto de Jacir, mas a voz é inconfundível.

No sábado, foi o presidente do Coritiba, Renato Follador Junior, que nos deixou. Também colunista aqui no Paraná Portal, ele era sempre aberto para conversa (coisa rara nos dias atuais) e dava pra sentir o amor pelo Coxa. Foi o líder dessa administração que mantém vivo o sonho de reformular o clube alviverde.

O esporte paranaense está em luto.

A covid, infelizmente, segue fazendo vítimas. Com tantas transformações do vírus, não existe mais fator de risco ou qualquer coisa. Se cuide.

JACIR DE OLIVEIRA E RENATO FOLLADOR MORREM POR COVID-19

Athletico e Coritiba divulgaram notas de pesar enquanto Operário e Paraná Clube divulgaram vídeos com narrações de Jacir.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="773970" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]