Coluna Social
Compartilhar

RB| TCP apoia campanha de combate ao coronavírus em Paranaguá

Campanha liderada pela APPA tem o objetivo de equipar o Hospital Regional para atender vítimas da doença; campanha arrec..

Ruy Barrozo - 16 de abril de 2020, 18:04

Campanha liderada pela APPA tem o objetivo de equipar o Hospital Regional para atender vítimas da doença; campanha arrecadou R$ 2,4 bilhões.

ANÚNCIO

A TCP – empresa que administra o Terminal de Contêineres de Paranaguá, se juntou à APPA – Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, na campanha de combate ao COVID-19, que tem como objetivo arrecadar recursos financeiros e materiais que serão doados para o Hospital Regional, sediado na cidade.

Até o momento foram arrecadados R$ 2,4 milhões entre as 26 empresas participantes.

O Hospital Regional de Paranaguá foi escolhido para receber as doações porque centraliza os casos de pacientes com perfil intermediário e avançado da doença, e abrange os sete municípios do litoral do Paraná. “Para a campanha, a entidade disponibilizou uma lista com equipamentos e insumos médicos necessários para o combate ao Coronavírus. O foco é ampliar os leitos de UTI existentes no Hospital”, explica Luiz Carlos Narok, superintendente Institucional e Ambiental da TCP.

ANÚNCIO

Para dar mais agilidade ao processo de compra dos materiais e equipamentos necessários, as empresas acessam diretamente os fornecedores indicados pelo hospital.

“Todo este esforço e mobilização das empresas visa garantir que os itens sejam entregues diretamente ao Hospital Regional e no menor prazo possível para garantir o atendimento dos pacientes necessitados”, enfatiza.

A campanha, sob liderança da APPA, conta com uma comissão formada pelas empresas responsáveis pela tomada de decisões e articulações das ações.

"Estamos convictos de estar participando de uma atividade que visa o bem do ser humano, procurando garantir a sua sobrevida em um momento ímpar em que o mundo atravessa com esta pandemia. Precisamos olhar em primeiro lugar às pessoas em detrimento dos bens materiais", finaliza.