21 municípios do Paraná recebem vacinas da Pfizer; veja a quantidade de cada cidade

Redação

vacina pfizer municípios cidades paraná

O governo do Paraná distribui 37.440 doses da vacina da Pfizer, contra a Covid-19, a 21 municípios, nesta segunda-feira, com o objetivo de descentralizar a vacinação. Dessas cidades, 12 receberão o imunizante desenvolvido pela Pfizer em parceria com a BioNTech pela primeira vez.

Até esta segunda-feira (31), o Paraná aplicou 3.685.095 doses de vacinas contra a Covid-19. Destas, 2.512.993 são primeiras doses, o que corresponde a 52,2% das 4.812.142 pessoas estimadas nos 28 grupos prioritários e a 22,53% da população paranaense. Os dados estão no Vacinômetro.

Também foram administradas 1.172.102 segundas doses, que completam o ciclo vacinal dos cidadãos. O número é equivalente a 24,3% dos grupos prioritários e a 10,96% dos paranaenses.

Quatro regionais recebem os lotes por via terrestre, saindo do Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar): Curitiba e RMC, Ponta Grossa, União da Vitória e Telêmaco Borba.

As demais regionais receberão as doses por via aérea, partindo do Aeroporto Bacacheri. São elas Guarapuava, Pato Branco, Francisco Beltrão, Foz do Iguaçu, Cascavel, Toledo, Campo Mourão, Umuarama, Paranavaí, Maringá, Londrina, Cornélio Procópio e Jacarezinho.

MUNICÍPIOS DO PARANÁ QUE RECEBEM VACINA DA PFIZER HOJE

A vacina da Pfizer vai chegar a 17 das 22 Regionais de Saúde do Paraná.

  • Apucarana – 1.170 doses
  • Araucária –  1.170 doses
  • Bandeirantes –  1.170 doses
  • Cascavel –  1.170 doses
  • Campo Largo – 1.170 doses
  • Campo Mourão –  1.170 doses
  • Curitiba – 7.020 doses
  • Francisco Beltrão – 1.170 doses
  • Foz do Iguaçu – 1.170 doses
  • Guarapuava – 1.170 doses
  • Jacarezinho – 1.170 doses
  • Londrina – 3.510 doses
  • Maringá – 3.510 doses
  • Paranavaí – 1.170 doses
  • Pato Branco – 1.170 doses
  • Ponta Grossa –  3.510 doses
  • Santo Antônio da Platina –  1.170 doses
  • Telêmaco Borba – 1.170 doses
  • Toledo – 1.170 doses
  • Umuarama – 1.170 doses
  • União da Vitória – 1.170 doses

As doses integram a 21ª remessa de vacinas do Ministério da Saúde, e são destinadas aos grupos prioritários de comorbidades e pessoas com deficiência.

“Nossas equipes estão em contato diário com as Regionais de Saúde e os municípios para verificar a distribuição de vacinas da Pfizer de acordo com a capacidade de cada cidade. Havendo sinal por parte das equipes municipais, o Estado descentraliza as doses para o maior número de cidades possível. Graças à estrutura organizada e robusta do Paraná, temos conseguido distribuir cada vez mais doses para diferentes municípios do Estado”, afirmou o secretário estadual de Saúde, Beto Preto.

LOGÍSTICA DA VACINA DA PFIZER É MAIS COMPLEXA

A distribuição dos imunizantes da Pfizer/BioNTech é mais limitada por conta de suas especificidades técnicas para armazenamento. Para ser guardado por até seis meses, ele deve estar resfriado a -70°C, temperatura atingida apenas por freezers de alta performance.

A vacina tem validade de 31 dias de 2ºC a 8ºC – mesma temperatura das demais vacinas -, o que cria uma janela de tempo para sua distribuição e aplicação em locais que não possuam os freezers ultracongelantes. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou na sexta-feira (28) as novas condições de conservação e armazenamento para a vacina. A orientação anterior era de cinco dias.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="767429" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]