Covid-19: no último dia de Bandeira Vermelha, Curitiba tem 102% das UTIs ocupadas

Redação

covid, covid-19, coronavírus, boletim, informe epidemiológico, curitiba, sms, secretaria municipal da saúde

Mesmo após 11 dias em Bandeira Vermelha, com restrições mais severas contra o coronavírus, Curitiba ainda registra uma ocupação de UTIs superior à capacidade. Segundo a SMS (Secretaria Municipal da Saúde), a taxa atual é de 102%.

Nesta terça-feira (8), Curitiba incluiu mais 20 óbitos 836 casos novos de covid-19. Com os dados atualizados, a capital acumula 222.191 diagnósticos positivos e 5.631 óbitos por complicações da doença.

As vítimas mais recentes eram 10 homens e 10 mulheres com idades entre 31 e 100 anos. Entre os mortos, 14 tinham menos de 60 anos.

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, Curitiba registra, pelo menos, 9.918 casos ativos conhecidos. Só entram na conta os pacientes diagnosticados após exames laboratoriais.

OCUPAÇÃO DE UTIs

Quase duas semanas após decretar a Bandeira Vermelha de restrições contra a covid-19, a taxa de ocupação de UTIs exclusivas para a pandemia em Curitiba é de 102%. Todas as 542 vagas estão ocupadas.

Em relação aos leitos clínicos, em enfermarias, restam 42 vagas entre as 746 reservadas para pacientes com coronavírus, o que representa uma taxa de ocupação de 94%.

COVID-19 EM CURITIBA

  • Mortes: 5.631 (+ 20)
  • Casos confirmados: 222.191 (+ 836)
  • Casos ativos: 9.918
  • Recuperados: 206.642

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="769001" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]