Brasil registra a maior média móvel de mortes desde o início da pandemia

Folhapress

covid, covid-19, coronavírus, boletim, informe epidemiológico, curitiba, sms, secretaria municipal da saúde

O Brasil registrou neste domingo (14) a maior média móvel de mortes por Covid-19 de toda a pandemia do novo coronavírus: 1.105.

Até então, a maior média era de 1.097 mortes, registrada em 25 de julho de 2020, no auge da primeira onda da doença no país.

A média móvel é calculada somando o resultado dos últimos sete dias, dividindo por sete. O recurso estatístico busca dar uma visão melhor da evolução do vírus, pois atenua números isolados que fujam do padrão.

Os dados são fruto de colaboração inédita entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos ao coronavírus.

As informações sobre números de casos e mortes são coletadas diretamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

Nas últimas 24h, o país registrou 647 óbitos pela doença e 22.440 novas infecções por Sars-CoV-2. Com isso, totaliza 239.294 mortes e a 9.833.695 pessoas infectadas desde março do ano passado.

Nos últimos dias os registros têm sido ainda mais altos. Na quinta (11), por exemplo, foram 1.452 novas mortes em um único dia.

Nos finais de semana e nas segundas-feiras, porém, é comum que os números sejam mais baixos devido aos plantões nas pasta estaduais.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="745429" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]