Curitiba começa a vacinar idosos acamados nesta segunda (8)

Redação

Curitiba começa a vacinar idosos acamados

Curitiba recebeu, neste domingo (7), nova remessa da vacina Coronavac/ Instituto Butantan contra o novo coronavírus. O município tem 12.260 novas doses, que serão usadas para o início da segunda fase da vacinação, já nesta segunda-feira (8).

Nesta etapa, os vacinadores irâo trabalhar na imunização dos idosos acamados com mais de 60 anos. Esses pacientes irão receber as doses em casa, em rotas já definidas pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

Além disso, as doses também irão contemplar as pessoas com mais de 90 anos na cidade. A vacinação deste grupo terá início nesta quarta-feira (10) e será descentralizada, em nnidades de saúde e pontos estratégicos para vacinação em drive-thru.

A entrega oficial dessa nova remessa foi feita no Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar). O documento de recebimento do novo lote foi feito pelo diretor do Centro de Epidemiologia da SMS, Alcides de Oliveira.

As vacinas seguiram, já no caminhão da prefeitura de Curitiba e escoltadas pela Guarda Municipal, para armazenamento na Central de Vacinas da cidade, onde todas as doses serão catalogadas no sistema do município.

Como cadastrar um idoso acamado

Desde última-sexta-feira (5/2), os idosos acamados não atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Curitiba podem comunicar sua condição pela plataforma Saúde Já, via aplicativo ou internet, ou pelo telefone (41) 3350-9000, para que recebam a notificação da vacinação. Os que já são atendidos pelo SUS não precisam fazer já estão cadastrados e não precisam fazer a comunicação.

O mapeamento dos idosos acamados é uma preparação da SMS para a segunda fase de imunização de covid-19, que começa nesta segunda-feira.

 Curitiba já recebeu 62 mil doses

Com o lote recebido neste domingo, Curitiba já recebeu 65.250 doses de vacina para o combate do novo coronavírus. As remessas anteriores somavam 52.990 doses de vacinas para serem aplicadas no público prioritário definido na 1ª fase do Plano Municipal de Imunização.

A primeira remessa, recebida em 19 de janeiro, contou com 23.160 doses da vacina Coronavac/Instituto Butantan.

Em 24 de janeiro foram entregues 20.380 doses da vacina produzida pela Universidade de Oxford e pelo Laboratório AstraZeneca, que vieram da Índia para o Brasil. E no dia 29 de janeiro, o Governo do Paraná anunciou o repasse de mais 9.450 doses de Coronavac.

Veja quantas pessoas já foram vacinadas na cidade

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba aplicou, até este sábado (6/2), 44.235 doses da vacina que imuniza contra o novo coronavírus.

Os grupos definidos para receber a vacina na 1ª fase são: os profissionais da enfermagem que estão atuando como vacinadores na campanha; os moradores, funcionários e cuidadores das 147 instituições de longa permanência; os indígenas da aldeia Kakané Porã, na Regional Tatuquara; os profissionais de saúde dos hospitais; e as equipes das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), além de profissionais de serviços de remoção médica particulares. Também estão sendo vacinados os trabalhadores das Unidades de Saúde e dos Centros de Atendimento Psicossocial (Caps) de Curitiba.

 

Leia também: Estado repassa aos municípios 71.990 doses para começar vacinação de idosos

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="744065" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]