Viajou ou aglomerou? Prefeitura de Curitiba recomenda isolamento de sete dias

Redação

praia, litoral, aglomeração, viagem, isolamento, isolamento voluntário, coronavírus, covid-19, covid, pandemia, sms, secretaria municipal da saúde, prefeitura de curitiba, curitiba

A Prefeitura de Curitiba recomenda um período de isolamento voluntário de sete dias para todos os moradores que viajaram ou participaram de eventos e confraternizações fora do núcleo familiar. A mesma orientação é válida para aqueles que visitaram amigos ou familiares que não moram na mesma casa.

A preocupação da SMS (Secretaria Municipal da Saúde) é com a provável escalada de novos casos de coronavírus e, consequentemente, novas mortes por covid-19 após as festas de Natal e ano-novo. Durante os feriados, aglomerações se formaram em todo o Paraná, do litoral ao interior.

Conforme a Prefeitura de Curitiba, durante a semana de isolamento voluntário, o cidadão deve ficar atento aos sintomas respiratórios como tosse, dor de cabeça, sinusite, dor de garganta e febre. Quem apresentar qualquer um dos sinais deve acionar a Central de Teleatendimento da Covid-19: (41) 3350-9000.

Apesar da recomendação para o isolamento voluntário, a prefeitura reconhece que essa não é a realidade da maioria dos curitibanos, que voltaram ao trabalho nesta segunda-feira (4), parte deles na modalidade presencial. Neste caso, aqueles que viajaram ou participaram de aglomerações no feriado devem redobrar a atenção.

Os estudos sobre a Covid-19 reportam que o período de transmissão da doença inicia antes mesmo da manifestação dos sintomas. Por isso, alguém que aparentemente está saudável pode estar infectado e transmitindo o coronavírus para outras pessoas.

Desta forma, a Prefeitura de Curitiba orienta que os cuidados sanitários sejam redobrados no ambiente de trabalho, mantendo o distanciamento social sempre que possível. O uso correto da máscara é obrigatório. Os ambientes devem estar sempre bem ventilados e as mãos devem ser frequentemente higienizadas.

No ambiente familiar, aqueles que viajaram ou participaram de festas e aglomerações nas festas de Natal e ano-novo devem permanecer em isolamento e se afastar daqueles que fazem parte do grupo de risco para a Covid-19, tais como idosos, imunodeprimidos, portadores de problemas respiratórios ou doentes crônicos.

+ Veja os números da Covid-19 em Curitiba nesta segunda-feira (4)

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="737326" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]