Curitiba suspende vacinação dos caminhoneiros por falta de doses

Redação

caminhoneiros, janssen, johnson and johnson, jnj, vacina, covid, covid-19, coronavírus, dose única

A partir desta quarta-feira (30), Curitiba vai suspender a vacinação contra covid-19 para os caminhoneiros. No primeiro e único dia da campanha para este grupo, hoje (29), foram aplicadas 2 mil doses – setecentas a mais do que o repassado pela Sesa.

De acordo com a SMS, a retomada da imunização dos caminhoneiros, assim como dos demais públicos prioritários suspensos e da população geral (por idade), depende de chegada de nova remessa de vacinas.

Amanhã (30), continuam a receber a vacina o grupo de motoristas e cobradores do transporte coletivo. Para esse grupo, a imunização é realizadas nas garagens onde trabalham, conforme lista fornecida pela Urbanização de Curitiba (Urbs).

Segundo a prefeitura, nesta quarta-feira (30), também são imunizados a população em situação de rua e os profissionais do transporte ferroviário agendados pelo aplicativo Saúde Já.

Em relação à segunda dose, serão imunizados apenas profissionais de saúde com agendamento pelo aplicativo.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="772779" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]