Coronavírus
Compartilhar

Hospitais de Curitiba: Veja como está a ocupação de leitos covid e a fila de espera

O aumento dos casos de Covid-19 no Paraná resultou na maior demanda dos serviços de Saúde. Em Curitiba, o cenário dos le..

Redação - 26 de maio de 2021, 20:32

-  Foto: Geraldo Bubniak/AEN
- Foto: Geraldo Bubniak/AEN

O aumento dos casos de Covid-19 no Paraná resultou na maior demanda dos serviços de Saúde. Em Curitiba, o cenário dos leitos é crítico: todas as UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) estão ocupadas e restam 26 enfermarias livres. A maioria dos hospitais têm ocupação acima de 90%, com diversas instituições sem mais nenhuma vaga.

Vale lembrar ainda que são 1.206 pessoas esperando por um leito no Paraná. Destes, 650 precisam de UTI e 556 de enfermarias.

Em Curitiba e Região Metropolitana, são 174 pessoas precisando de uma UTI e outras 180 aguardando por um leito clínico.

Além disso, o boletim municipal desta quarta-feira (26) aponta que são 9.952 casos ativos. Isso significa a quantidade de pessoas capazes de transmitir o vírus.

No total, a capital paranaense acumula 210.570 casos e 5.298 mortes.

TAXA DE OCUPAÇÃO NOS HOSPITAIS DE CURITIBA

Confira os dados coletados pelo Paraná Portal sobre os hospitais hoje:

  • Hospital Angelina Caron - 100% de ocupação nos leitos de enfermaria e nos leitos de UTI, para pacientes Covid e não Covid. O pronto atendimento segue funcionando, atendendo outras especialidades
  • Hospital Marcelino Champagnat - 100% de ocupação
  • Hospital Cajuru - 100% de ocupação
  • Hospital de Clínicas - 95% de ocupação das UTIs e 86% nas enfermarias
  • Hospital VITA - Pronto-Socorro geral está com atendimento normal, já o atendimento de Covid-19 apresenta alguns momentos de restrição, de acordo com a demanda
  • Hospital Municipal do Idoso: 100% de ocupação de UTIs para covid-19

Alguns dos dados foram retirados do painel da transparência, atualizado diariamente pela Sesa. Confira:

  • Hospital da Cruz Vermelha - 100% de ocupação das UTIs e 50% das enfermarias ocupadas
  • Hospital Erasto - 70% nas UTIs e 80% de leitos clínicos
  • Hospital Santa Casa - 96% e 95%
  • Hospital de Clínicas - 95% e 86%
  • Hospital São Vicente Centro - 100% e 88%
  • Hospital Evangélico - 100% e 82%
  • HIZA/Vitória/UPA Boqueirão/UPA Tatuaquara - 100% e 99%
  • UPA Boa Vista, Cajuru, Campo Comprido, CIC, Pinheirinho, Sitio Cercado - 100% (contém apenas enfermarias)
  • Hospital do Trabalhador - 100% e 100%
  • Hospital de Reabilitação - 100% e 100%
  • Hospital Infantil Pequeno Príncipe (só atende crianças)- as cinco UTIs estão disponíveis e 10% das enfermarias ocupadas