Prefeito do Paraná pede para população fazer manifestação pedindo vacina da Covid-19

Redação

Prefeito do Paraná pede para população fazer manifestação pedindo vacina da Covid-19

O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP), pediu neste domingo (21), em live nas redes sociais, para que a população da região norte do Paraná faça uma manifestação pedindo vacina contra a Covid-19 para o Governo Federal.

“Façam manifestações pedindo vacina para o governo, é o que vai salvar a vida das pessoas. Gastem as suas energias, de todos nós, pedindo para que o governo envie as vacinas para que a gente possa vacinar as pessoas”, afirmou Marcelo Belinati.

Em seguida, o prefeito relembrou de Israel, país que já vacinou mais da metade da população e que começou a flexibilizar as restrições contra a Covid-19. “É isso que nós precisamos aqui, ter a vacina e vacinar. Em uma velocidade rápida, vamos nos esforçar, vamos nos cuidar, nos proteger”, argumentou.

A previsão é que a vacinação em Londrina se mantenha até essa semana, já que no dia 18 de fevereiro restavam apenas 3 mil doses a serem aplicadas. A informação foi confirmada pelo Secretário Municipal de Saúde, Felippe Machado, ao Jornal Tarobá FM nesta segunda-feira (22).

Durante toda a live, o prefeito do Paraná pediu para que a população continuasse a se cuidar: usar máscara de proteção, álcool em gel e manter o distanciamento social. Assista abaixo!

DOSES DA VACINA CONTRA A COVID-19 ACABAM EM CIDADES DO PARANÁ

Na semana passada, a vacinação da Covid-19 precisou ser interrompida em algumas cidades do Paraná. Na última sexta-feira (19), Curitiba paralisou a aplicação das primeiras doses do imunizante.

Cascavel, na região oeste do Paraná, interrompeu a vacinação pela falta de vacinas na quinta-feira (18). Em Maringá, também na região norte, restavam apenas 100 doses, destinadas à primeira dose, no início da manhã da última quinta-feira.

Ao todo, o Paraná recebeu 538.900 doses do governo federal até o momento. Restam ainda 92 mil doses, destinadas para aplicação da segunda dose aos grupos prioritários, que deverão ser enviadas aos municípios na semana que vem. A expectativa do Estado é vacinar 4 milhões de paranaenses até maio.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="746698" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]