Modalidade de fisioterapia previne alterações no corpo e prejuízos à saúde

Unimed Curitiba – Conteúdo de Marca


É comum pensar que a fisioterapia trata apenas reabilitação de lesões ou tratamentos de sequelas de doenças. Mas, muito além disso, essa terapia pode e deve ser praticada de forma preventiva, visando a melhora da qualidade de vida e a prevenção de alterações físicas no corpo que causam prejuízos à saúde. De acordo com a fisioterapeuta Barbara Pietreski Barbaroto, do setor de Promoção à Saúde da Unimed Curitiba, a fisioterapia preventiva pode ser dividida em 3 etapas: exercícios de alongamento, de força muscular e respiratórios. Por isso, é uma modalidade que pode ajudar as pessoas a terem mais saúde, especialmente nesse período de pandemia da COVID-19, em que muitas estão isoladas. “Existem exercícios simples que podem ser feitos no dia a dia, em casa mesmo, e técnicas mais aprofundadas. Essas são abordadas conforme a realidade e a necessidade de cada pessoa. Por isso, é muito importante consultar um profissional para obter recomendações individuais”, explica.

Na coluna de hoje, a cooperativa vai ensinar duas atividades em cada uma das fases. Vale ressaltar que cada fase exercita diferentes partes do corpo e as atividades devem ser praticadas com moderação, respeitando os limites de cada um. Por isso, faça uma pausa entre os exercícios, se hidrate e pare para respirar sempre que sentir necessário. Vamos lá?

1.ª fase – exercícios de alongamento

  • Alongando a coluna lombar: primeiramente, prepare uma superfície e se deite. Pode ser sob uma toalha, um tapete confortável ou um colchonete. Deitado, flexione os joelhos, abrace as duas pernas e eleve-as próximas ao peito. Mantenha essa posição por 30 segundos, depois descanse
  • Alongando a coluna cervical: sentado, com uma mão posicionada em cima da cabeça, flexione o pescoço na diagonal – leve o nariz no sentido da região da axila, queixo no peito e mantenha a pressão da mão para baixo. Sustente essa posição por 30 segundos e depois repita do outro lado

2.ª fase – exercícios de fortalecimento

  • Fortalecendo a musculatura posterior da coxa e do tronco: agora, é a vez do exercício conhecido como ponte. Deite-se de barriga para cima e mantenha os joelhos flexionados e os braços relaxados ao longo do corpo. Inspire e, durante a expiração, comece a retirar a pelve do chão e eleve o máximo que conseguir, sem tirar o apoio dos pés do chão. Faça uma nova inspiração enquanto sustenta a posição e durante a expiração comece a retornar à posição inicial lentamente, arredondando a coluna (como se apoiasse uma vértebra de cada vez no chão) até retornar à posição inicial. Realize três séries de 10 repetições.
  • Fortalecendo os membros inferiores: sentado em uma cadeira, com os pés afastados na largura do quadril, olhe para um ponto fixo sem fazer movimentos com a cabeça. Inspire parado e durante a expiração, levante da cadeira com os braços estendidos para frente. Inspire em pé parado, posicione os braços estendidos para frente e durante a expiração sente-se novamente na cadeira, cuidando para que os joelhos não passem da linha dos dedos dos pés. Faça três séries de 10 repetições.

3.ª fase – exercícios respiratórios

  • Respiração diafragmática: procure um ambiente tranquilo, onde você fique confortável e relaxado. De preferência, fique sentado sem apoio nas costas. Coloque a mão sobre a barriga e inspire pelo nariz, expandindo o abdômen. Depois de inspirar o máximo que puder, expire lentamente pela boca como se estivesse assoprando e murchando o abdômen. Lembre-se de expandir o abdômen e não o tórax
  • Re-expansão pulmonar: esse exercício é associado ao movimento de membros superiores. Siga as dicas do ambiente citadas no exercício anterior. Inspire pelo nariz o máximo que conseguir e eleve os braços ao mesmo tempo, expire pela boca lentamente assoprando o ar e recolha os braços, retornando à posição inicial

 

Vale ressaltar que todas essas práticas necessitam de treino constante. Quanto mais você treinar e repetir essas dicas, mais sentido elas farão para você e mais poderão te auxiliar, até se tornar um hábito.

Esses e outros exercícios estão no vídeo que faz parte do “Movimento em prol da saúde”, publicado no YouTube da Unimed Curitiba. Assista e confira o cronograma de exercícios físicos:

 

Sobre o Movimento em prol da saúde

Neste Tempo de Cuidar, a Unimed Curitiba tem disseminado informações e orientações para ajudar as pessoas a se protegerem e cuidarem de sua saúde para terem mais qualidade de vida e bem-estar. Entre ações estão os vídeos da série “Movimento em prol da saúde”, que estão sendo lançados no canal do YouTube da cooperativa. Esses vídeos contêm dicas e técnicas apresentadas por profissionais de fonoaudiologia, psicologia, fisioterapia, nutrição e educação física que atuam na área de Serviços Próprios da Unimed Curitiba e prestam assistência aos beneficiários. Fique atento às dicas e compartilhe com seus amigos e colegas!

Previous ArticleNext Article