Grande Curitiba e Litoral
Compartilhar

Com baixo número de doações, Disque Solidariedade pede apoio da população

O Disque Solidariedade, serviço da Prefeitura de Curitiba de recolhimento e repasse de doações a pessoas e famílias em s..

Narley Resende - 02 de dezembro de 2016, 10:48

O Disque Solidariedade, serviço da Prefeitura de Curitiba de recolhimento e repasse de doações a pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social, registra, em 2016, uma queda de 39% no número de doações realizadas em relação a 2014. Por isso, considerando o período do ano, em que muitas famílias aproveitam as promoções do comércio para aquisição de novos móveis, eletrodomésticos e equipamentos de uso doméstico em geral, a Fundação de Ação Social (FAS) reforça o incentivo a doações.

O Disque Solidariedade faz a coleta em domicílio de itens como roupas, móveis, eletrodomésticos e demais utensílios que estejam em bom estado de uso. Para isso, o doador deve fazer um pedido de atendimento pela Central 156 (telefone ou internet), relacionar os itens que gostaria de doar e agendar a retirada, que é feita pelas equipes do serviço.

A preocupação é grande porque os números de pedidos por doações aumentam diariamente: atualmente são 440 protocolos abertos pelos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) por famílias em situação de risco e vulnerabilidade social. Em contrapartida, o número de pessoas interessadas em doar é de 203.

“Estamos em estado de alerta e pedimos o apoio dos curitibanos, principalmente de quem aproveitou os descontos das lojas neste mês e está sem saber o que fazer com algum item que foi substituído. As doações chegam aqui e muitas vezes saem imediatamente para a entrega às famílias”, explicou o coordenador do Disque Solidariedade, Luis Carlos Costa.

Segundo ele, os itens mais pedidos e, por consequência, os que estão mais em falta no estoque são: guarda-roupa, berço, geladeira e até mesmo roupas e calçados – que normalmente não costumam faltar. No momento, não há nenhum guarda-roupa no barracão do Disque e são 145 pedidos em aberto por um.

Mesmo com o alerta, a Prefeitura de Curitiba lembra que a população deve procurar doar itens em bom estado para que o atendimento às famílias aconteça de maneira rápida.

Como doar

As doações podem ser feitas pela Central 156, com o agendamento da retirada das doações na casa da pessoa. Quem preferir pode fazer a doação diretamente na sede da FAS, onde funciona o barracão do Disque Solidariedade, na Rua Eduardo Sprada 4.520, no bairro Campo Comprido. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira das 8h às 18 horas, inclusive no horário de almoço.