Empresa curitibana vende ‘latas de ar’ de cidades brasileiras para turistas

Mariana Ohde


Uma empresa de Curitiba criou um produto inusitado para que os turistas que visitam o Brasil possam levar uma lembrança do país para casa: latas de ar.

A ideia surgiu durante uma visita a Paris, há 20 anos. Alessandro Catenaci, fundados da empresa Lata de Ar, viu o produto na capital francesa e, ao perceber o movimento de turistas que vieram ao Brasil para a Copa de 2014, resolveu criar, aqui, um souvenir semelhante. “Eu busquei o material, busquei um designer que fez a criação das latas e nós lançamos a primeira lata com o ar de Curitiba. Foi uma remessa pequena. A aceitação foi tão grande que, já na Copa, eu lancei cinco cidades e uma genérica do Brasil”, conta.

Alessandro criou latas para diversas cidades, com ilustrações de alguns dos principais pontos turísticos de cada uma. Além do ar do Brasil, a opção mais abrangente para os turistas, a marca também oferece o ar das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Foz do Iguaçu e Curitiba. Segundo Alessandro, em breve, devem estar disponíveis também as versões de Brasília, Balneário Camboriú, Florianópolis, Gramado, Natal, Fortaleza e Minas Gerais.

Hoje, a empresa produz cerca de dez mil unidades por mês, que podem ser adquiridas em todo o Brasil e também pelo site. Cada latinha custa, em média, R$ 10. A empresa vende todos os meses cerca de 12 mil unidades, o que representa um faturamento bruto mensal de R$ 120 mil. E há planos de expansão: em breve, as latinhas com ar brasileiro devem começar a ser vendidas nos Estados Unidos.

“O conceito é a brincadeira, o humor do produto. Como é um produto diferenciado e não tem nada no mercado parecido, eu comecei a receber pedidos de outros lugares, cidades menores”, conta, explicando que um pedido vindo de Nova Iorque motivou a primeira exportação.

As latas são criadas no Paraná e fabricadas por uma empresa terceirizada em Santa Catarina. O ilustrador responsável pelos desenhos é Marcelo Lopes, também curitibano.

(Com informações da CBN Curitiba)

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal