Agência do Trabalhador de Curitiba irá disponibilizar microcrédito para empreendedores

Redação

Paraná registrou alta de 92% na inserção de trabalhadores no mercado em julho

A partir da próxima segunda-feira (26), a Agência do Trabalhador de Curitiba irá disponibilizar linha de microcrédito para pequenos negócios. A ação será possível por meio dos programas Banco do Empreendedor e Banco da Mulher Paranaense.

De acordo com a Sejuf (Secretaria de Justiça, Família e Trabalho), o objetivo é transformar as agências do trabalhador em agências do empreendedorismo.

Com os atendimentos presenciais retomados, quem tiver interesse na nova ação deve fazer o agendamento prévio no site da secretaria (clique aqui).

AGÊNCIA DO TRABALHADOR DE CURITIBA OFERECE MICROCRÉDITO

O microcrédito da Fomento Paraná é composto por financiamentos de até R$ 20 mil, com até três meses de carência e prazo total de 36 meses para pagamento.

É destinado a trabalhadores informais, empreendedores individuais e microempresas com faturamento anual de até R$ 360 mil. A taxa de juros é a partir de 0,91% ao mês.

Para incentivar a participação feminina no mercado empresarial, se o empreendimento tem uma mulher como proprietária ou sócia, a taxa de juros é ainda mais reduzida por meio do programa Banco da Mulher Paranaense, a partir de 0,76% ao mês.

LIMITE DE CRÉDITO

O limite de crédito varia de acordo com o período de atividade do empreendedor ou empreendimento. Para empreendedores informais, ou que estão iniciando uma atividade, o limite é de R$ 5 mil.

O limite sobe para R$ 10 mil para quem tem uma atividade já formalizada, mas ainda não completou 12 meses de registro do CNPJ.  E quem está formalizado como MEI há mais de um ano pode contratar créditos de até R$ 20 mil.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="759777" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]